quinta-feira, 7 de julho de 2022

Obras para duplicação da SP 333 em Florínea são iniciadas

A Entrevias, concessionária que administra a Rodovia SP 333, começa nesta primeira semana de julho a mobilização e montagem do canteiro de obras para a duplicação de novo trecho da Rodovia Miguel Jubran, em Florínea, próximo à divisa com Paraná.
As obras no trecho de seis quilômetros entre os quilômetros 444+450 e 450+999 dão continuidade ao cronograma.
Com investimento previsto de R$ 33.201.775,28, a intervenção deverá ter duração aproximada de 12 meses e resultará em mais segurança, agilidade no deslocamento e conforto aos usuários de rodovia.
Juntas, as 15 cidades que compõem o trecho rodoviário sob concessão da empresa na região de Marília reúnem cerca de 470 mil habitantes.
A SP 333 também é um importante corredor logístico, que favorece o escoamento da produção agrícola e industrial da região para todo o Brasil.
No projeto de modernização da SP 333 serão viabilizadas novas faixas de rolamento e acostamento, instalação de pórticos e nova sinalização, além da restauração de todo o pavimento da rodovia existente. Também será implantado um novo sistema de drenagem nas laterais das pistas.
As obras incluem ainda a adequação da duplicação existente do lado leste da rodovia, que não tem acostamento e conta com terceira faixa apenas em alguns trechos, e a construção de dois dispositivos de retorno em desnível, um na altura do km 445+550, como acesso à cidade de Florínea, e outro no km 446+700, já próximo à praça de pedágio.
Com aproximadamente 232 quilômetros de extensão, a SP-333 está com obras de duplicação em andamento em dois segmentos diferentes, entre Marília e Echaporã, no trecho dos kms 337 e 385, e entre Echaporã e Assis, do km 385 ao 400, totalizando 64 quilômetros de intervenção.
Ambos estão em fase de terraplanagem, pavimentação, drenagem e revestimento vegetal, sendo que o trecho de 48 quilômetros entre Echaporã e Assim, cujos trabalhos começaram em março de 2020, está com cerca de 82% das obras concluídas, e o outro, em 53%.

Fonte: Marília Notícia



Nenhum comentário:

Postar um comentário