quarta-feira, 8 de junho de 2022

Operação para evitar queimadas é ampliada no Estado de São Paulo

Quando as chuvas diminuem e o tempo seco começa a tomar conta da paisagem, o perigo de queimadas aumenta e é nessa hora em que o cuidado precisa ser redobrado. Entre os meses de junho e outubro estamos na fase mais crítica, que é a Fase Vermelha, onde qualquer pequena chama pode levar a incêndios devastadores em questão de minutos.
 A Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo, por intermédio da Coordenadoria de Fiscalização e Biodiversidade vem realizando por todo o estado a Operação Corta-Fogo, que tem como principal objetivo informar e prevenir incêndios. Participam dessa operação a Coordenadoria Estadual de Proteção Defesa Civil (CEPDEC), o Corpo de Bombeiros, a Polícia Ambiental, a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB), a Fundação Florestal (FF) e o Instituto de Pesquisas Ambientais (IPA).
 O fogo, quando não consegue ser controlado, em floresta ou qualquer forma de vegetação, sejam em áreas naturais ou rurais, recebe o nome de incêndio florestal. Isso impacta de maneira negativa o local atingido, acabando com a  vegetação, causando a morte de animais silvestres, aumentam a poluição do ar, diminuem a fertilidade do solo, além de oferecerem risco de queimaduras, acidentes com vítimas e causarem problemas de saúde na população.
 Por isso, é extremamente importante cuidados contra o fogo:
- Não solte balões, além de ser proibido, os balões podem causar incêndios em matas fechadas, onde os bombeiros não conseguem chegar, levando a morte de vários animais e da biodiversidade.
- Não jogue cigarros, bitucas, cigarretes, charutos, cachimbos ou qualquer outro material acesso. Sempre certifique-se de apaga-lo corretamente antes do descarte. Preferencialmente, deve-se molhá-lo para descartar.
- Não queime lixo, folhas ou qualquer tipo de material em aterros ou áreas de mata. Com o tempo seco, as chamas podem se alastrar com rapidez e tornarem-se incontroláveis.
 Em caso de incêndio ligue 193.

Redação do Garca.Jor



Nenhum comentário:

Postar um comentário