segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

Vestibulinho divulga relação dos classificados para as Etecs

Os candidatos que disputam uma das 87.415 vagas para os Ensinos Técnico, Integrado, Médio e de Especialização podem conferir na internet, a partir desta segunda-feira, 10m, a lista de classificação geral e a primeira relação dos convocados do processo seletivo das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) para o primeiro semestre de 2022.
O processo para matrícula será totalmente online, no período de 11 a 13 de janeiro, no site www.vestibulinhoetec.com.br. Para realizar o procedimento, é preciso fazer o upload legível dos documentos requisitados, obrigatoriamente nos formatos PDF, JPEG ou PNG. No dia 20, a partir das 15 horas, será divulgado o resultado da efetivação da matrícula.
A Etec vai disponibilizar computador com acesso à internet a quem precisar de equipamento para fazer a matrícula. O interessado deve entrar em contato com a unidade para saber data e horário de atendimento. Para ir à escola, será obrigatório o uso de máscara de proteção facial e também respeitar as demais medidas do Protocolo Sanitário Institucional do Centro Paula Souza (CPS).
É importante ressaltar que o acompanhamento das etapas do Vestibulinho, a verificação das listas de convocação e leitura do Manual do Candidato e da Portaria do processo seletivo são de responsabilidade do candidato ou de seu representante legal.
Caso as vagas não sejam preenchidas após a primeira chamada, outras listas poderão ser divulgadas nos sites da Etec ou classe descentralizada em que o candidato pretende estudar. Cabe ao interessado acompanhar a convocação.
A matrícula dos convocados em todas as modalidades dependerá do upload legível dos seguintes documentos de identificação:
documento de identificação (RG, RNE ou CNH dentro do prazo de validade);
CPF;
foto recente de rosto, com fundo neutro.
O candidato que utilizar o Sistema de Pontuação Acrescida, pelo item “escolaridade pública”, deverá fazer o upload da declaração escolar (modelo está disponível na Portaria do processo seletivo) ou histórico escolar contendo o detalhamento das séries cursadas e nome(s) da(s) escola(s).
Os documentos em língua estrangeira deverão estar visados pela autoridade consular brasileira no país de origem e acompanhados da respectiva tradução oficial.
Veja, abaixo, a relação de documentos adicionais, solicitados de acordo com cursos e situações específicas.
Para o Ensino Médio em todos os seus formatos, a matrícula dependerá do upload legível dos seguintes documentos:
Histórico escolar com certificado de conclusão do Ensino Fundamental; ou declaração de conclusão deste ciclo assinada por agente escolar da escola de origem.
Para quem pretende cursar o Ensino Técnico (presencial, semipresencial e online):
Histórico escolar com certificado de conclusão do Ensino Médio; ou declaração de conclusão deste ciclo assinada por agente escolar da escola de origem; ou declaração de que está matriculado a partir da segunda série do Ensino Médio.
Candidatos que concluíram ou estão cursando o Ensino de Educação de Jovens e Adultos (EJA) ou o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) – Histórico Escolar com certificado de conclusão do Ensino Médio; ou declaração de conclusão do Ensino Médio firmada pela direção da escola de origem, contendo a data em que o certificado e histórico serão emitidos; ou Declaração de que está matriculado, a partir do segundo semestre/termo da EJA; ou dois certificados de aprovação em áreas de estudos da EJA; ou boletim de aprovação do Encceja emitido e enviado pelo Ministério da Educação (MEC); ou dois Certificados de Aprovação em áreas de estudos da EJA ou Boletim de Aprovação do Encceja emitido e enviado pelo MEC; ou documento(s) que comprove(m) a eliminação de no mínimo quatro disciplinas.
Quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) até a edição de 2016 – Certificado ou Declaração de Conclusão do Ensino Médio, expedido pelos Institutos Federais ou pela Secretaria da Educação do Estado correspondente.
Para os cursos de Especialização Técnica, a matrícula dependerá do upload legível dos seguintes documentos:
Para cursos presenciais, histórico escolar com certificado de conclusão de curso técnico equivalente, conforme lista disponível no site do Vestibulinho; ou declaração de conclusão do curso técnico equivalente, original, assinada por agente escolar da escola de origem. Para o curso de Especialização em Gestão de Projetos (EaD – online), o candidato poderá fazer upload do certificado de conclusão de curso superior.
Ao finalizar o envio dos documentos, o candidato deve clicar no botão de salvar e enviar para gerar o protocolo de matrícula. Quem não visualizar o protocolo de validação do envio dos arquivos, deve repetir o processo até efetivar a matrícula e visualizar o número de protocolo.
Próximas datas do calendário do Vestibulinho para o primeiro semestre de 2022:
11 a 13 de janeiro – Matrícula dos convocados na primeira lista e envio de documentação de matrícula por meio digital no site www.vestibulinhoetec.com.br;
20 de janeiro, a partir das 15 horas – Divulgação do deferimento e indeferimento das matrículas – primeira lista de convocação, pela internet;
21 a 24 de janeiro – Recurso da matrícula para correção da documentação e/ou envio da documentação para os candidatos que perderam o prazo inicial da matrícula – 1ª lista de convocação, pelo site www.vestibulinhoetec.com.br;
28 de janeiro, a partir das 15 horas – Divulgação do resultado correção/análise de documentação – 1ª lista de convocação, pelo site.
Outras informações pelos telefones (11) 3471-4071 (Capital e Grande São Paulo) e 0800-772 2829 (demais localidades) e em www.vestibulinhoetec.com.br.

Redação do Garca.Jor



Nenhum comentário:

Postar um comentário