quinta-feira, 6 de janeiro de 2022

Icônico diretor de cinema Peter Bogdanovich morre aos 82 anos

Peter Bogdanovich, diretor de filmes como "A Última Sessão de Cinema" (1971), "Essa Pequena é uma Parada" (1972) e "Lua de Papel" (1973), morreu hoje, 06, aos 82 anos em sua casa em Los Angeles, nos Estados Unidos.
Ao jornal The Hollywood Reporter, a filha do cineasta, Antonia Bogdanovich, afirmou que ele morreu de causas naturais.
Peter Bogdanovich começou a carreira como ator e, em 1968, fez sua estreia como diretor em "Na Mira da Morte". Seu segundo filme, "A Última Sessão de Cinema", lhe rendeu duas indicações ao Oscar: Melhor Diretor e Melhor Roteiro Adaptado.
Depois, dirigiu Barbra Streisand e Ryan O'Neal em "Essa Pequena é uma Parada". Voltou a trabalhar com O'Neal no ano seguinte, em "Lua de Papel", que também teve a presença de Tatum O'Neal, filha de Ryan que na época tinha 10 anos. Por esse papel, ela se tornou a pessoa mais jovem a vencer o Oscar de Melhor Atriz Principal.
Nos anos 90, Bogdanovich começou a se aventurar no mundo da televisão — fez alguns filmes para a telinha naquela década e, em 2004, dirigiu um episódio de "The Sopranos". Na série, ele também voltou aos tempos de ator e interpretou Dr. Elliot Kupferberg.

Fonte: UOL



Nenhum comentário:

Postar um comentário