quarta-feira, 3 de novembro de 2021

Comércio garcense vai operar no período noturno de 10 a 23 de dezembro

Na última terça-feira, 26, foi desenvolvida na sede da Acig (Associação Comercial e Industrial de Garça), a sexta edição do projeto "Café com o Presidente". A atividade contou com a presença de muitos comerciantes e associados e, entre os assuntos discutidos, ficou definido o esquema de abertura do comércio garcense no período natalino.
Conforme indicado pelo superintendente da Acig, Fábio Dias, o encontro atendeu as expectativas com a presença maciça de associados. "Foi muito produtivo o encontro. Os associados compareceram, trouxeram suas ideias, seus pontos de vista, e pudemos, num ambiente descontraído, discutir assuntos pertinentes à categoria", ressaltou Dias.
A abertura do comércio garcense em horário especial de Natal começará no dia 10 de dezembro, uma sexta-feira, das 09 às 22 horas, e prossegue até o dia 23 de dezembro.
O presidente da Associação, João Francisco Galhardo, idealizador do "Café com o Presidente", salientou que, entre os dias 10 e 23 de dezembro, haverá algumas aberturas especiais.
"Ficaremos com o comércio aberto, das 09 às 22 horas, dos dias 10 a 23 de dezembro, mas também decidimos alguns dias especiais. No domingo, dia 19 de dezembro, o comércio garcense ficará de portas abertas das 09 às 13 horas. No dia 24 de dezembro, véspera de Natal, também terá horário especial, ficando aberto das 09 às 16 horas", explicou Galhardo.
Segundo Dias, o estabelecimento desse calendário de abertura das lojas em horário especial visa dar ao consumidor um tempo maior para vir ao comércio, fazer as escolhas dos presentes de Natal e realizar suas compras com maior tranquilidade. 
"É bom que os comerciantes se preparem. Muitos vão fazer contratações para esse período e agora eles já têm uma ideia clara do período de abertura noturna", destacou Dias.
O superintende explicou que esse calendário só sofrerá alterações caso haja mudanças no cenário de combate à disseminação da covid-19. "Todo o Estado de São Paulo vive um período de flexibilização bastante amplo. A disseminação do vírus está num patamar de controle e muitos serviços estão voltando à normalidade, com queda no número de contaminados, internados e, felizmente, óbitos. É esse cenário que desejamos que continue ou melhore, não somente pela abertura do comércio, mas por todo o contexto socioeconômico por ele influenciado", comentou Dias.
Mais uma vez, a Acig contribuirá com a questão de segurança na área central ao longo do período de funcionamento estendido. Vários profissionais da área percorrerão as ruas, visando garantir que as pessoas possam realizar suas compras sem qualquer contratempo.
Galhardo salientou que, ao longo de todo o período de funcionamento em horário especial, é essencial a manutenção de todos os protocolos e cuidados contra a covid-19, como uso obrigatório de máscaras, distanciamento social, uso de álcool em gel, entre outros.

Fonte: Jornal Debate



Nenhum comentário:

Postar um comentário