sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Procedimento permite recuperação de gado roubado em leilão na região

Policiais de Bauru recuperaram de leilão, em Avaí, mais de 300 cabeças de gado, que estavam sendo comercializadas de forma ilegal. O gado – avaliado em mais de R$ 1 milhão – era roubado.
Foi apurado que parte dos animais já havia sido negociada no leilão, mas estaria sendo devolvida pelos compradores.
No local foi verificado que o leilão forneceu apenas as Guias de Transporte Animal, sem as notas fiscais, e que os lotes que não tinham sido transportados foram reconhecidos pelas vítimas.
O responsável pelo leilão alegou que a negociação teria sido intermediada por um corretor e deu detalhes da forma de pagamento, com a apresentação de documentos.
Investigações apontaram que o gado teria sido roubado de uma fazenda em Itatinga (distante 230 quilômetros) entre segunda-feira, 13, e terça-feira, 14.
Durante o assalto, os criminosos renderam quatro pessoas. O caseiro da fazenda foi o primeiro a ser abordado e ficou refém dos assaltantes por quase 24 horas, segundo os policiais.
Foram recuperadas e restituídas às vítimas 336 cabeças, outras 19 cabeças não chegaram ao leilão.

Fonte: Marília Notícia



Nenhum comentário:

Postar um comentário