segunda-feira, 7 de junho de 2021

Carreata pede vacinas e suspensão de aulas em Garça após perda de professor

Uma carreata convocada por professores da rede municipal de ensino em Garça levou dezenas de veículos para as ruas da cidade no domingo, 06, em protesto contra as aulas presenciais na cidade.
A manifestação foi organizada após a morte do professor Juliano Rodrigues dos Santos, 38 anos, caso de muita repercussão em Garça e região.
Os carros foram decorados com cartazes e faixas com mensagens de luto e pedidos de vacina para todos os profissionais da área, além de balões pretos.
Garça registrou no domingo mais duas mortes por Covid. A primeira é de um homem com 62 anos, portador de comorbidades, que estava internado desde o dia 4 de junho. Faleceu dia 5. A segunda é de um homem de 47 anos sem comorbidades, internado desde o dia 28 de maio. Nesta segunda, 07, outra morte foi confirmada.
Com esses casos a cidade atingiu 100 óbitos pela doença desde o início da epidemia. Após a liberação das aulas presenciais, em programa que segue protocolos do governo do Estado, a cidade já interrompeu atividades em pelo menos três unidades para investigação de suspeitas de covid-19.

Fonte: Giro Marília



Nenhum comentário:

Postar um comentário