quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

Mistério envolve morte de jovem garcense em buracão de Marília

A Polícia Civil de Marília informou que vai aguardar laudo do exame necroscópico para avançar nas investigações sobre a morte do garcense Wesley Natan Rodrigues de Oliveira, de 19 anos. O corpo do jovem foi encontrado na manhã da quarta-feira, 02 de dezembro, no fundo de um penhasco, no bairro Toffoli, em Marília.
Informações iniciais apontam que ele teria sido vítima de um acidente, no entanto a morte é envolta em mistério e falta de informações claras.
O corpo foi retirado no início da tarde de ontem e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Marília. Os peritos não confirmaram, de forma preliminar, lesões características de homicídio.
O penhasco onde o rapaz teria caído fica nos fundos da rua Francisca de Oliveira, em uma região com forte presença do tráfico de drogas. O barranco, inclusive, já foi local de apreensão de entorpecentes pela Polícia Militar e também cenário de outras mortes – tanto acidentais, quanto homicídios.
Uma testemunha informou para a polícia que estaria junto com o rapaz no dia em que ele caiu no precipício. Segundo seu relato, registrado em boletim de ocorrência, os dois teriam se assustado com algum fato, que ainda será apurado, e por este suposto motivo teriam corrido. A informação inicial é que depois de correr de algo, Wesley teria se desequilibrado e caído no ‘buracão’.
Como o rapaz morava em Garça, a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Marília poderá contar com o apoio da Polícia Civil daquela localidade.
Wesley foi enterrado nesta quinta-feira no Cemitério Santa Faustina de Garça.

Fonte: Marília Noticia



Nenhum comentário:

Postar um comentário