segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Cemitério de Garça suspende lavagem de túmulos

A Prefeitura de Garça suspendeu a lavagem de túmulos no cemitério Santa Faustina até que diminua a falta de chuvas na cidade.
O secretário de Administração dos Serviços Urbanos, Reginaldo Moreti, explicou a tomada de decisão: “Esse trabalho de limpeza realizado pelas famílias é importante. Mas temos uma situação crítica em relação ao abastecimento de água na cidade. O que estamos suspendendo é lavagem dos túmulos, quando as pessoas ligam mangueiras e utilizam um volume de água considerável para realizar o trabalho. A limpeza pode continuar sendo feita, desde que utilizem baldes para diminuir o consumo de água”, disse.
Outras informações sobre o tema podem ser obtidas pelo telefone 3471 0233, diretamente no cemitério.
Economizar no uso da água faz a diferença para manter o abastecimento em toda a cidade: tomar banhos menos demorados, varrer a frente das casas, reutilizar a água da máquina de lavar para higienizar os quintais, não fazer a barba embaixo do chuveiro, evitar lavar carros e motos, entre outras.
A Prefeitura informou que está perfurando um poço tubular profundo na sede da B1 que vai alcançar o aquífero Guarani. O novo poço deve ter ao redor de 850 metros de profundidade. O prazo para a finalização das obras é de seis meses. 
A previsão é que a vazão deste novo poço seja entre 150 e 300 mil litros de água por hora, o que diminuirá a dependência da captação de água de superfície, ou seja, de rios e minas.

Redação do Garca.Jor



Saae volta a alertar sobre níveis críticos de água nos reservatórios da cidade

Novamente o risco de desabastecimento ronda a cidade de Garça. Nesta semana, o Saae (Serviço Autônomo de Águas e Esgotos) emitiu um novo alerta à população, solicitando, mais uma vez, que economia seja feita no uso cotidiano de água.
De acordo com a autarquia, os níveis de água dos reservatórios do SAAE estariam bastante críticos, muito baixos.
Segundo informou a autarquia, em torno de 900 mil litros estariam neste momento reservados nos dois principais reservatórios de água e os demais estão praticamente vazios. O reservatório de 4,8 milhões de litros possuía, no dia 26 de novembro, 578.400 litros (12,05%), ao passo que o reservatório de 2,4 milhões de litros contava, na mesma data, com 324.480 litros (13,52%).
Os números apresentados fazem o sinal vermelho ser acionado, uma vez que o consumo médio na cidade, em dia de calor, gira em torno de 12 milhões de litros.
Segundo o apresentado pelo Saae, nos dois pontos de captação de água da cidade, a B1 e a B2, observam-se níveis de água considerados baixos. 
Um poço tubular profundo está sendo perfurado na região da B1 e deve aumentar a captação de água entre 300 e 350 mil metros cúbicos de água por hora. No entanto, essa obra deverá ficar pronta apenas em 2021, o que faz com que a solicitação pela economia de água continue sendo constante.

Fonte: Jornal Debate



Pedágios em rodovias de São Paulo têm reajusta a partir de 01 de dezembro

Após adiamento de quase seis meses, a partir da meia-noite de 01 de dezembro, entra em vigor o reajuste contratual anual das tarifas de pedágio das rodovias concedidas estaduais paulistas. Os valores estão publicados no Diário Oficial do Estado.
A atualização da tarifa segue os critérios contratuais, com a correção de inflação pelo indicador econômico IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) acumulado entre julho de 2019 e junho de 2020. O reajuste deveria ter entrado em vigor em 01 de julho, conforme estabelecido em contrato de concessão válido para as rodovias das três primeiras etapas do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, mas foi postergado em razão da pandemia da covid-19.
O adiamento também contemplou as praças de pedágio da concessionária Entrevias, que teria atualização em 06 de julho, mas passa a valer também em 01 de dezembro. 
O reajuste de tarifa das praças de pedágio da concessionária ViaPaulista, que administra 720 quilômetros das Rodovias dos Calçados, ligando as regiões nordeste e sudoeste do Estado de São Paulo, já entrou em vigor, desde a segunda-feira, 23 de novembro, conforme estabelecido em contrato de concessão. As tarifas serão reajustadas em 3,17%, com base na evolução do IPCA, entre setembro de 2019 e setembro de 2020.
As tarifas contratuais das concessionárias que integram as primeiras e segunda fases do programa de concessões, bem como as do Rodoanel nos trechos Leste, Sul e Oeste e as da concessionária Entrevias, serão reajustadas em 1,88% – índice relativo ao IPCA acumulado entre junho do ano passado e junho deste ano. As concessionárias da primeira fase são: CCR Autoban, AB Colinas, Ecovias, Intervias, Renovias, CCR SPVias, Tebe, Triângulo do Sol e CCR ViaOeste. Pertencem ao segundo lote as concessionárias CART, Ecopistas, RodoAnel, Rodovias do Tietê, Rota das Bandeiras, SPMar e Via Rondon. As tarifas da Rodovia dos Tamoios terão reajuste de 2,13%, de acordo com as previsões contratuais.
As cinco praças do sistema remanescente da concessionária Centrovias e, atualmente, administradas pela concessionária Eixo-SP, não terão alteração, pois já tiveram suas tarifas calculadas em outro processo, cujos valores estão em vigor desde 15 de maio deste ano, no início da nova concessão.

Redação do Garca.Jor



Pagamento da primeira parcela do 13º salário deve ser paga até esta segunda

Um dos principais benefícios trabalhistas do país, o décimo terceiro salário tem a primeira parcela paga até hoje, 30 de novembro. A partir de amanhã, 01 de dezembro, o empregado com carteira assinada começará a receber a segunda parcela, que deve ser paga até 18 de dezembro.
Essas datas valem apenas para os trabalhadores na ativa. Por causa da pandemia de covid-19, o décimo terceiro dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi antecipado. A primeira parcela foi paga entre 24 de abril e 8 de maio. A segunda foi depositada de 25 de maio a 5 de junho.
Segundo a Lei 4.090/1962, que criou a gratificação natalina, têm direito ao décimo terceiro aposentados, pensionistas e quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 15 dias. Trabalhadores em licença maternidade e afastados por doença ou por acidente também recebem o benefício.
No caso de demissão sem justa causa, o décimo terceiro deve ser calculado proporcionalmente ao período trabalhado e pago junto com a rescisão. No entanto, o trabalhador perde o benefício se for dispensado com justa causa.
O décimo terceiro salário só será pago integralmente a quem trabalha há pelo menos um ano na mesma empresa. Quem trabalhou menos tempo receberá proporcionalmente. O cálculo é feito da seguinte forma: a cada mês em que trabalha pelo menos 15 dias, o empregado tem direito a 1/12 (um doze avos) do salário total de dezembro. Dessa forma, o cálculo do décimo terceiro considera como um mês inteiro o prazo de 15 dias trabalhados.
A regra que beneficia o trabalhador o prejudica no caso de excesso de faltas sem justificativa. O mês inteiro será descontada a gratificação se o empregado deixar de trabalhar mais de 15 dias no mês e não justificar a ausência.
O trabalhador deve estar atento quanto à tributação do décimo terceiro. Sobre o salário, incide tributação de Imposto de Renda, INSS e, no caso do patrão, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. No entanto, os tributos só são cobrados no pagamento da segunda parcela.
A primeira metade do salário é paga integralmente, sem descontos. A tributação do décimo terceiro é informada num campo especial na declaração anual do Imposto de Renda Pessoa Física.
A situação dos trabalhadores com contrato suspenso ou com jornada reduzida com diminuição proporcional dos salários só foi definida no início de novembro. Para os contratos com jornada reduzida, o décimo terceiro e as férias devem ser pagos de forma integral.
No caso de suspensão de contratos, o período não trabalhado será descontado do décimo terceiro. No entanto, para manter a harmonia com a legislação, o mês em que o empregado tiver trabalhado 15 dias ou mais será contado como mês inteiro e será pago.
Os critérios para da gratificação nessas situações foram definidos por nota técnica editada pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia no início de novembro. Embora a nota técnica não tenha força de lei, equivale à interpretação da norma pelo governo e será levada em conta pelos auditores fiscais do trabalho nas fiscalizações das empresas.

Fonte: Agência Brasil



Governo se prepara para entregar aeroportos paulistas ao mercado

O governo de São Paulo dá um passo importante no processo de concessão dos aeroportos estaduais. Está à disposição da iniciativa privada todas as informações sobre os 22 aeródromos hoje administrados pelo Daesp (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo). Trata-se da última etapa antes da publicação do edital de licitação, a ser conduzida pela Secretaria de Governo, por meio da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo).
O data room dará aos interessados acesso a toda documentação dos aeroportos -- como plantas, contratos vigentes, convênios, ações judiciais, entre outros. O projeto de concessões, já apresentado em audiência pública virtual em 12 de maio, também estará disponível.
"O governo pretende agitar o mercado para que os interessados comecem, de posse das documentações, a calcular as vantagens competitivas da concessão e se preparem para o edital”, afirma o Vice-governador e presidente do Conselho Gestor de Concessões, Rodrigo Garcia.
De acordo com o secretário de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto, a concessão dos aeroportos se faz ainda mais necessária com a crise econômica decorrente da pandemia. "Os investimentos que poderão ser feitos pela iniciativa privada aceleram o desenvolvimento dos municípios e geram emprego e renda à população nas regiões dos aeroportos", afirmou.
A desestatização permitirá investimentos de R$ 700 milhões nos aeroportos regionais de São Paulo em 30 anos de contrato. Para acesso às informações disponíveis, os interessados deverão encaminhar um e-mail para o endereço dataroom.parcerias@sp.gov.br com o título/assunto: "Pedido de Acesso ao Data Room | Concessão de Aeroportos”, contendo na mensagem nome do solicitante, empresa/entidade e endereço de e-mail. Uma resposta será dada por e-mail para registro e acesso.
Desde que a nova gestão do Daesp – órgão da Secretaria de Logística e Transportes – assumiu, organiza seus aeroportos do interior para a concessão. Mesmo com a pandemia, as equipes do Daesp e da Artesp, comandadas pela Secretaria de governo, não pararam e finalizaram o processo para que São Paulo apresente as informações ao mercado a partir desta sexta-feira.
Nove dos 22 aeroportos têm serviços de aviação comercial regular e 13 são destinados à modalidade executiva, e movimentam juntos 2,4 milhões de passageiros por ano, considerando embarques e desembarques. Eles serão divididos em dois lotes no processo de licitação internacional, puxados pelas duas principais unidades, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto.
Estimativas técnicas projetam crescimento de mais de 230% no movimento dessas unidades aeroportuárias ao longo dos 30 anos de concessão, ultrapassando os 8 milhões de passageiros por ano ao final do período. A remuneração dos consórcios vencedores se dará através de receitas tarifárias e comerciais, como as resultantes de aluguéis de hangares, restaurantes e estacionamento. Serão vencedores de cada um dos lotes os concorrentes que apresentarem a maior oferta de outorga fixa.
Grupo Noroeste - Composto por 13 unidades, este lote é encabeçado por São José do Rio Preto e tem ainda os aeroportos comerciais de Presidente Prudente, Araçatuba, e Barretos, além dos aeródromos com vocação executiva de Avaré-Arandu, Assis, Dracena, Votuporanga, Penápolis, Tupã, Andradina, Presidente Epitácio e São Manuel.
Somente em obras, estão previstos investimentos de R$ 177 milhões nesse lote, sendo que R$ 63 milhões terão de ser aplicados nos três primeiros anos de contrato.
Grupo Sudeste - Liderado pelo aeroporto de Ribeirão Preto, este lote é composto por nove unidades, sendo que outros 4 também são unidades comerciais: Marília, Bauru, Araraquara e Franca. Já os de aviação executiva são os aeroportos de São Carlos, Sorocaba, Guaratinguetá e Registro. Os investimentos a cargo da concessionária vencedora ao longo do contrato serão de R$ 233 milhões, dos quais R$ 88 milhões serão desembolsados nos três primeiros anos.
Poderão participar da licitação empresas nacionais ou estrangeiras, consórcios, instituições financeiras e fundos de investimentos. Além de apresentar a melhor proposta de outorga fixa, o vencedor terá de comprovar qualificação técnica em gestão aeroportuária, seja da própria empresa ou consórcio, ou de pessoas de sua equipe ou mesmo por meio de subcontratação qualificada.
A previsão é de que o edital de licitação seja publicado até janeiro de 2021 e o leilão, realizado em abril. A expectativa é de assinatura do contrato até julho/agosto.
Esta é segunda rodada de concessões de aeroportos regionais paulistas. A primeira teve os aeroportos de Bragança Paulista, Campinas, Itanhaém, Jundiaí e Ubatuba licitados em único lote em 2017.

Redação do Garca.Jor



Suéllen Rosim é eleita prefeita em Bauru com 55% dos votos

A jornalista Suéllen Rosim (Patriota) foi eleita prefeita de Bauru, neste domingo, 29 de novembro. Ela recebeu 89.725 votos, o que corresponde a 55,98% dos votos válidos. Dr. Raul (DEM), candidato derrotado, teve 70.558 votos, o equivalente a 44,02% dos votos válidos.
Dos 270.749 eleitores aptos a votar em Bauru, 86.636 não foram as urnas no domingo, o que equivale a 32% de abstenção na cidade. Os votos brancos na cidade somaram 7.457 (4,05%), enquanto os nulos foram 16.373 (8,89%).
Suéllen é a primeira mulher a comandar a cidade do Centro-oeste Paulista. O vice dela na chapa é Dr. Orlando Dias (Patriota). No primeiro turno a candidata também ficou em primeiro lugar, com 57.844 votos (35,60%), contra 53.299 (32,80%) de Dr. Raul.
A jornalista Suéllen Rosim nasceu em Dourados (MS), mas há 20 anos mora no estado de São Paulo, inicialmente radicada na cidade de Birigui.
Suéllen formou-se em jornalismo pela Unitoledo. É solteira e não tem filhos. Em sua carreira profissional como jornalista, foi repórter e apresentadora dos telejornais da TV TEM em Bauru.
Após deixar a empresa, ingressou na carreira política em 2018, quando disputou como candidata a deputada estadual pelo Patriota, conquistando pouco mais de 30 mil votos e garantindo a posição de primeira suplente do partido na Assembleia Legislativa de São Paulo.
Atualmente, Suéllen é palestrante e faz trabalhos com publicidade, além de ser cantora gospel. É também coordenadora do seu partido em 25 municípios da região e presidente estadual do Patriota Mulher SP.
A nova prefeita Suéllen Rosim contempla em seu plano de governo propostas para áreas da saúde, educação, assistência social, mobilidade urbana, água e esgoto, causa animal, trânsito, desenvolvimento e geração de emprego, cultura, segurança, meio ambiente, além de ações em defesa do direito das mulheres e das pessoas com deficiência.
Suéllen pretende criar um canal aberto com a população, com a implantação de uma equipe de atendimento ao cidadão.
Na educação, Suéllen prevê o diálogo com os profissionais e responsáveis na retomada das aulas suspensas durante a pandemia e também um estudo para levantar as reais necessidades do setor. O investimento em tecnologia também é uma promessa da candidata na área da saúde.

Fonte: G1



Receita paga hoje restituições de lote residual do Imposto de Renda

A Receita Federal paga hoje, 30 de novembro, as restituições do lote residual do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) do mês de novembro de 2020 para 198.967 contribuintes. O crédito bancário totaliza mais de R$ 399 milhões.
Desse total, R$ 143,8 milhões referem-se ao quantitativo de contribuintes que têm prioridade legal, sendo 3.559 idosos acima de 80 anos, 26.599 com idade entre 60 e 79 anos, 2.924 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 12.312 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério. Foram contemplados ainda 153.573 não prioritários, que entregaram a declaração até o dia 12 de novembro.
Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita Federal. No Portal e-CAC, é possível acessar o serviço Meu Imposto de Renda e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.
A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IR e à situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente, nas bases da Receita Federal, informações sobre liberação das restituições e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.
O pagamento da restituição é feito pela Receita por meio do Banco do Brasil. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.
Para isso deverá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos). O contribuinte também poderá fazer o agendamento no Portal BB.
A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la, também pela internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no Portal e-CAC, no serviço Meu Imposto de Renda.

Fonte: Agência Brasil




sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Comércio funciona na noite desta sexta e conta com inauguração da iluminação de fim de ano

A Acig (Associação Comercial e Industrial de Garça) promove mais uma edição da Black Friday. Nesta sexta, 27 de novembro, o comércio da região central vai estar com as portas abertas até às 22 horas, dando a oportunidade para que os consumidores possam ter um tempo estendido para aproveitar as ofertas apresentadas pelas lojas participantes.
As lojas estiveram, ao longo da semana, já se preparando, com decorações específicas e com preços e condições especiais. Todos os comércios também seguem as recomendações de higiene, uso de máscaras e de álcool em gel, visando a proteção contra a covid-19.
Esta sexta-feira de maior período para realização de compras será também a oportunidade de inauguração da campanha de Natal realizada pela Acig no comércio garcense. A iluminação de Natal será inaugurada às 21 horas na praça Ruy Barbosa. 
"Ao longo da campanha de Natal vamos sortear uma moto para os consumidores, assim como vamos oferecer segurança nas ruas centrais, haverá o monitoramento por câmeras, que é uma parceria entre a Associação e a Prefeitura, teremos também o trenzinho para as crianças, algodão doce, pipoca, entre outras atrações”, explicou João Galhardo, presidente da Acig, em entrevista à Unirádio AM.
O dirigente destacou que a Acig já está buscando mobilizar os lojistas para que eles façam os enfeites nas lojas e nas vitrines, para que, a partir do dia 07 de dezembro, o comércio passe a funcionar em horário especial, até às 22 horas nos dias de semana.
"Queremos trazer o cliente de Garça e região para fazer suas compras em um ambiente familiar, gostoso e com segurança", complementou.
Os cupons da campanha de Natal serão oferecidos pelas lojas participantes e o sorteio da moto ocorrerá no dia 24 de dezembro.

Fonte: Jornal Debate



Associação Comercial presta homenagem a João Miguel Chaves

A Acig (Associação Comercial e Industrial de Garça) busca ressaltar a história, destacando aqueles que colaboraram para que os setores econômicos do município tivessem desenvolvimento e para que a entidade tenha se mostrado um agente importante para que tal desenvolvimento se concretizasse.
Diante disso, na última segunda-feira, 23 de novembro, a Associação efetuou uma homenagem especial a João Miguel Chaves, que foi presidente do conselho deliberativo da Acig. 
Ele recebeu das mãos do presidente da Acig, João Galhardo, de Tatiane Augustinho Galhardo, presidente do Conselho da Mulher Empreendedora de Garça, e do presidente do Conselho da Acig, Fábio César Raniel, um quadro de reconhecimento e deferência.
Aliás, a iniciativa para essa homenagem foi de Raniel, que destacou os serviços prestados por Chaves à Acig. "A Associação Comercial e Industrial de Garça não teria alcançado tantos sucessos sem a sua essencial participação e colaboração. Que as novas gerações tenham a inspiração no seu talento, bom caráter e profissionalismo. Obrigado por tudo", destaca o texto apresentado no quadro de homenagem.
João Miguel Chaves é uma figura atuante na sociedade garcense, atuando em várias frentes. Além de ter sido um colaborador efetivo da Acig, esteve à frente por décadas como despachante no "Escritório Chaves", além de ter atuado politicamente, como vereador e também presidente da Câmara Municipal de Garça.

Fonte: Jornal Debate



Nível de desemprego dispara e atinge patamar de 13m8% no Brasil

A taxa de desocupação no Brasil ficou em 13,8% no trimestre de maio a julho do ano. É a maior taxa da série histórica iniciada em 2012. Em relação ao trimestre anterior, no qual a taxa foi de 12,6%, corresponde a alta de 1,2 ponto percentual. Na comparação com o mesmo trimestre de 2019, que registrou taxa de 11,8%, a diferença é de 2 pontos percentuais. A população desocupada chegou a 13,1 milhões de pessoas, um aumento de 4,5% ou 561 mil pessoas a mais em relação ao mesmo período de 2019.
Já a população ocupada caiu para 82 milhões. É o menor contingente da série histórica da pesquisa. A queda ficou em 8,1%, o que representa menos 7,2 milhões de pessoas, na comparação com o trimestre anterior, de 12,3%, menos 11,6 milhões frente ao período de maio a julho de 2019. O nível de ocupação também foi o mais baixo da série, atingindo 47,1%, caindo 4,5 pontos percentuais frente ao trimestre anterior e 7,6 pontos contra o mesmo trimestre de 2019.
Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada hoje (30) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
De acordo com a analista da pesquisa Adriana Beringuy, o mercado de trabalho está em um cenário de avanço em relação à taxa de desocupação e interrompe um processo que vinha sendo observado desde 2017, em que à medida em que se aproximava da metade do ano a tendência era de recuo dessa taxa. 
“A gente está vivendo um momento de grande impacto no mercado de trabalho. Mostra também uma reversão de uma sazonalidade que a gente vinha observando em anos anteriores”, disse.

Fonte: Agência Brasil



Carga de eletrônicos avaliada em R$ 3 milhões é apreendida em Ourinhos

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu nesta sexta-feira, 27 de novembro, em Ourinhos uma carga com milhares de aparelhos eletrônicos transportados sem nota fiscal e avaliados em R$ 3 milhões.
A apreensão aconteceu na rodovia BR 153. Um caminhão  VW 15.180 branco tinha um fundo falso no teto do baú onde estava escondida a carga.
São produtos de origem estrangeira sem documentação fiscal e de transporte e venda ilegais. A relação inclui computadores, celulares e iPads.
O caminhão era conduzido por um homem de 35 anos que afirmou que foi  contratado para realizar o transporte de Cascavel até São Paulo e que receberia R$1.500.
O motorista, responderá pelo crime de descaminho. O caminhão e mercadorias também foram encaminhados a Polícia Federal em Marília.
Veja a lista do material apreendido: 180 - Apple Watch; 25 - Macbook Air 13; 151 - iPhone 12; 17- iPhone 12 Plus; 54 - iPhone 11; 295 - iPhone 7 Plus; 160 - Smartphone Realme C3; 80 - Smartphone Realme C6i; 157 - Smartphone Realme C6 Pro; 8 - Smartphone Realme XT.

Fonte: Giro Marília



DER remove radares instalados ao longo da rodovia SP 294

O Departamento de Estradas de Rodagem de São Paulo (DER-SP) removeu radares fixos da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294) ao longo da região. A retirada atende contrato de concessão assinado com a Concessionária Eixo SP, que passou a ser responsável pela administração do trecho.
Em nota, a empresa informou que desde o início da concessão, em junho de 2020, foram iniciados “estudos técnicos para o apontamento de localização de radares no trecho de concessão, antes sob administração do departamento estadual”.
Ainda não está definido por quanto tempo o trecho estará descoberto de fiscalização eletrônica fixa. A Eixo também não informou se haverá mudança nos locais ou se os pontos serão mantidos.
O relatório do estudo ainda será entregue à Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) até o próximo mês, para avaliação e aprovação.
Para que os radares voltem, o órgão terá que concordar com localização e definição de prioridades na instalação.

Fonte: Marília Notícia



Pirajuí: comerciante é presa por vender produtos vencidos

A Polícia Civil fechou um estabelecimento comercial que vendia produtos vencidos e impróprios para o consumo, em Pirajuí.
Uma mulher foi presa em flagrante. O JC não teve acesso à identidade da detida.
Na audiência de custódia, foi arbitrada fiança de 5 salários mínimos. O valor foi pago e a acusada responderá em liberdade.
No local, foram apreendidos vários alimentos com os prazos de validade vencidos, além de carnes sem etiquetas de vencimento e embalagens abertas.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru



quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Copa São Paulo de Futebol Júnior não vai ser realizada em 2021

O mais tradicional evento voltado para o futebol sub-21 do país, a Copa São Paulo, não terá a realização no próximo ano. A Federação Paulista de Futebol anunciou que, devido às questões sanitários relativas ao novo coronavírus, a competição não será promovida, deixando milhares de jovens jogadores sem ter a oportunidade de mostrar seu futebol na maior vitrine para essa categoria de futebolistas.
Leia, na sequência, nota da Federação na qual é indicado o cancelamento:

A Copa São Paulo de Futebol Jr., disputada desde 1969, é um dos maiores orgulhos do nosso futebol. Marca em todos os anos o início da temporada do futebol brasileiro e é o nascedouro dos nossos maiores craques. Não há competição de base no mundo que reúna tanta relevância, competitividade, visibilidade, paixão e sonhos.
A cada ano, todo o time da Federação Paulista de Futebol se mobiliza para organizar 255 jogos em 24 dias, reunindo 128 times de todos os Estados do Brasil. São mais de 3.800 jovens atletas que jogam em busca de um sonho. São longas viagens e 31 municípios paulistas envolvidos numa complexa logística de alojamento, alimentação e organização.
É justamente a grandeza da Copinha que nos fez refletir neste momento difícil de pandemia de Covid-19. Desde agosto, a FPF vem conversando com autoridades médicas, do Governo de São Paulo, de prefeituras e dos clubes para viabilizar a realização da Copa São Paulo 2021.
A partir de todas as informações colhidas e diante do cenário de pandemia, concluímos que mesmo um rigoroso protocolo de saúde não seria o suficiente para garantir segurança a atletas, árbitros e demais profissionais envolvidos nos jogos, além da população das cidades-sede. E acima de qualquer compromisso está a vida.
Assim, a FPF comunica que tomou a dura decisão de suspender a realização da Copa São Paulo 2021.
Esta medida nos provoca imensa dor, sobretudo pelos sonhos dos jovens atletas que veem na Copinha a primeira grande oportunidade para se mostrar ao mundo do futebol.
Nos solidarizamos não apenas com os jogadores, mas também os jovens árbitros, jornalistas e torcedores que, assim como nós, cultivam enorme carinho pela Copinha. Agradecemos aos patrocinadores e parceiros de mídia por entenderem essa difícil atitude. Nos resta a certeza da compreensão desta decisão, que coloca em primeiro lugar a saúde e os cuidados de segurança e isolamento.
Por fim, com intuito de preservar os sonhos de uma geração que não poderá disputar a Copinha em 2021, a FPF permitirá, na próxima edição da competição, que atletas nascidos em 2001 possam disputar o torneio.
 
Reinaldo Carneiro Bastos
Presidente da Federação Paulista de Futebol



Mais um banco instalado na região do Lago é alvo de vandalismo

Bancos de "madeira plástica" foi danificado na região do Lago Artificial "J. K Williams". Na manhã desta quinta, 26 de novembro, um dos bancos amanheceu quebrado. Ao analisar as fotos feitas no local pode-se perceber que realmente forçaram o material para quebrá-lo.
"Esse não é o primeiro banco danificado. Há cerca de dez dias trocamos os pés de outros dois bancos e preferimos não divulgar. Agora constatamos que decidiram quebrar o banco. Temos câmeras na região e vamos consultar as imagens. É danificação de patrimônio público. Se conseguimos identificar, os responsáveis podem ter que repor o material”, disse o secretário de Informação e Comunicação, Fábio Bonassa
Esses bancos são produzidos com composto de fibra ou serragem de madeira e de termoplástico, incluindo polietileno, polipropileno e PVC (policloreto de vinila), o material é resistente ao tempo; só não é resistente ao vandalismo. "Privilegiamos uma parceria com a empresa garcense, a Prático Decks, que nos forneceu os bancos e foi responsável pela instalação. Infelizmente a atitude de alguns acaba impactando para todos. Neste primeiro momento o banco será retirado do local. Não tenho informação se o mesmo terá reposição imediata”, complementou.

Redação do Garca.Jor



Duas pessoas são assassinadas a tiros em bar de Marília

Um homem e uma mulher morreram após dois criminosos armados, em uma motocicleta, pararem no meio da rua e abrirem fogo em frente de um bar em Marília, na noite desta quarta-feira, 25 de novembro.
As vítimas foram identificadas como o zelador Manoel da Silva Barreto, de 36 anos, que morreu ainda no local, e a dona de casa Carla Silva de Moraes, de 25 anos, que estava grávida de oito meses. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu até ao Hospital das Clínicas de Marília, mas não resistiu aos ferimentos.
Segundo informações apuradas pelo Marília Notícia no local do crime, a Polícia Militar foi acionada por volta de 21h34 até o bar, localizado no cruzamento das ruas Maria Quitéria e Panamá. Quando os policiais chegaram, Manoel já estava morto, com cinco perfurações de arma de fogo.
Carla tinha um ferimento no pescoço e estava acompanhada do marido, um comerciante de 28 anos.
A polícia apurou que Manoel estava na calçada, em companhia da esposa dele, conversando com Carla e o marido dela, quando duas pessoas em uma moto pararam.
O garupa desceu com uma arma e foi em direção a Manoel, efetuando vários disparos. Ele teria tentado abrigo no bar, e Carla saiu correndo, mas foi atingida com um tiro na região do pescoço.
O garupa entrou no estabelecimento atrás de Manoel, que já estava caído no chão, e continuou atirando. O condutor da moto ainda efetuou disparos na direção do marido de Carla, que saiu correndo e se escondeu atrás de veículos, sem ser atingido.
Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento de Carla e Manoel. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Marília Notícia



Cinco pessoas se ferem em acidente automobilístico em Duartina

Cinco pessoas ficaram feridas no fim da tarde desta quarta-feira, 25 de novembro, após uma colisão frontal entre dois veículos na Rodovia Lourenço Lozano (SP 293), em Duartina.
Segundo informações da Polícia Rodoviária de Marília, o acidente aconteceu no km 23 da rodovia que liga Duartina a Cabrália Paulista.
Equipes do Corpo de Bombeiros e da concessionária que administra a rodovia fizeram o atendimento às vítimas. Duas pessoas tiveram ferimentos graves e os demais ficaram levemente feridos.
O tráfego nos dois sentidos da rodovia chegou a ser bloqueado, com retenção de veículos, mas segundo a Polícia Rodoviária o local foi liberado no início da noite.

Fonte: G1



Onça é encontrada em construção de casa na cidade de Iacri

O Corpo de Bombeiros de Tupã foi acionado na última terça-feira, 24 de novembro, para uma ocorrência na qual uma onça parda, estava no interior de uma construção, na área urbana de Iacri.
A equipe constatou que o animal estava em um futuro banheiro da construção. Foi acionado um médico veterinário de Tupã, que compareceu no local para apoiar o Corpo de Bombeiros.
O felino acabou capturado com utilização de corda, cambão e uma rede de captura. A onça foi sedada e encaminhada até a clínica veterinária em Tupã para exames de saúde.
O policiamento ambiental compareceu na clínica e ficou responsável por efetuar a soltura da onça em uma área de preservação ambiental, após ela ser liberada pelo médico veterinário.

Fonte: Marília Notícia



Brasil continua sendo um dos mais competitivos na pecuária mundial

Thiago Bernardino de Carvalho


A Conferência do Agri Benchmark Beef (evento anual que reúne pesquisadores do mundo todo para comparar e discutir dados zootécnicos e econômicos da pecuária de corte de diferentes países) realizada neste ano – de forma on-line – mostra que a pecuária de corte brasileira segue se destacando no comparativo mundial. Aqui ressalta-se que, nesta Conferência, o Brasil é representado pelo Cepea em conjunto com a CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil).
Mais uma vez, observa-se que as fazendas brasileiras, seja na produção de bezerros, seja na engorda dos animais, estão na lista das mais competitivas do mundo, com os menores custos de produção.
Nesse sentido, o País reforça seu importante papel de fornecedor mundial de carne, ajudando a garantir a segurança alimentar. De modo geral, verifica-se que a atividade pecuária nacional vem evoluindo em quatro pilares da produção: genética, pastagem, sanidade e nutrição. No entanto, fica evidente, também, que o Brasil precisa melhorar alguns indicadores zootécnicos, o que resultaria em aumento da produtividade e em consequente redução ainda maior dos custos.
O relatório do Agri Benchmark Beef, que traz os resultados de 2019, mostra que sete das 10 fazendas com os menores custos na produção de cria estão na América do Sul, sendo estas na Argentina, Brasil, Colômbia e Uruguai. E dentre todos os países participantes, o menor custo é verificado em uma fazenda do Cazaquistão.  
Considerando-se apenas as propriedades dedicadas à cria da América do Sul, a que registra o menor custo é a da Argentina, com US$ 80,95/100 kg de peso vivo (PV). No Brasil, a propriedade mais competitiva produz um bezerro ao custo de US$ 98,30 – o País participa com dados de seis fazendas típicas de importantes regiões pecuárias, com os custos do sistema de cria variando entre US$ 98,30 e US$ 216/100 kg de PV. Estes menores valores estão atrelados aos custos mais baixos na produção de alimentos, baseado na pastagem – característica do Brasil – com a disponibilidade da terra.
Já na outra ponta, das 10 fazendas típicas com os maiores custos na produção de bezerro, nove são europeias, variando entre US$ 537 e US$ 2.120/100 kg de PV. Os maiores custos são verificados em fazendas típicas da Suíça, Áustria, República Checa e Alemanha. Uma fazenda da Tunísia também está entre as 10 com maiores custos, calculado em US$ 611,39.
Para a engorda, o cenário não é diferente, com custos mais baixos em países sul-americanos e elevados nos europeus. Os gastos variam entre US$ 141,47 na Argentina e US$ 3.182 por 100 kg de PV na Suíça.
Entre as 10 fazendas típicas com os menores custos de produção, oito estão na América do Sul (Argentina, Brasil, Colômbia e Paraguai) e duas da África (Namíbia e África do Sul), com os valores variando entre US$ 141,47 e US$ 257,83 por 100 kg de PV. O Brasil aparece com duas fazendas típicas entre as 10 de menores custos, variando de US$ 211,08 a US$ 234,48/100 kg de PV.
Já para as fazendas de maiores custos, 10 delas apresentam valores acima de US$ 800/100 kg de PV, variando de US$ 841 na República Tcheca a US$ 3.182/100 kg de PV na Suíça. Além do custo da terra, o encarecimento se deve aos gastos com silagem. Uma fazenda do Marrocos e outra da Austrália completam os países com os mais elevados custos.
Na comparação dos dados de engorda, o Brasil participa com dados de oito fazendas típicas, com os custos desse sistema variando entre US$ 211 e US$ 711,5/100 kg de PV. Essa ampla diferença se deve aos distintos fatores de produção empregados em sistemas de engorda brasileiros e à região pecuária.
O que chama a atenção nas fazendas brasileiras de engorda é que há uma com o sistema a pasto (US$ 211,08/100 kg PV) e outra com terminação em confinamento (US$ 234,48/100 kg PV) com pouca diferença nos custos, o que evidencia a eficiência na produção de confinamentos brasileiros.
Dentre todas as propriedades mundiais com engorda em confinamento representadas no Agri Benchmark, apenas três (Argentina, Colômbia e Namíbia) apresentam custos inferiores aos do Brasil. Já para a engorda em pastagem, somente duas fazendas – uma na Argentina e outra na Colômbia – são mais competitivas que a brasileira. Vale lembrar que o rebanho bovino na Argentina é um pouco superior a 50 milhões de cabeças, e na Colômbia, ao redor de 25 milhões de cabeças, segundo dados do USDA. Já o rebanho brasileiro é estimado em 214,7 milhões de cabeças pelo IBGE.

Thiago Bernardino de Carvalho é pesquisador do Cepea.



Concluída identificação das vítimas de trágico acidente em Taguaí

O governo de São Paulo concluiu, na madrugada de hoje, 26 de novembro, a identificação e liberação dos corpos das 41 vítimas do acidente ocorrido na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP 249), em Taguaí, na manhã de ontem. O acidente ocorreu após a colisão entre um ônibus que transportava funcionários de uma empresa têxtil e um caminhão.
Para atuar no caso, no município e na capital paulista, foram escalados cerca de 50 profissionais das polícias Civil e Técnico-Científica. Outra equipe, de 21 policiais técnico-científicos, composta por médicos legistas, auxiliares de necropsia e atendentes de necrotério, foi destacada para a região de Avaré.
Além dos policiais militares e bombeiros que, desde as primeiras horas da manhã, fizeram o resgate das vítimas e a preservação do local do acidente, cerca de 50 profissionais das polícias Civil e Técnico-Científica participaram das atividades da força-tarefa tanto na região de Taguaí quanto na capital paulista. O quadro do Instituto Médico-Legal (IML) de Botucatu e Itapetininga também foi reforçado para dar contas das demandas relacionadas ao acidente.
Em nota, o governo informa que o Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD), da Polícia Civil, enviou uma equipe com nove profissionais especializados em datiloscopia - técnica de reconhecimento pelas impressões digitais - para auxiliar na confirmação da identidade das vítimas.  Houve ainda um reforço de dez policiais, que permanecem na sede do instituto, na capital, para acelerar o processo de liberação dos corpos aos familiares.
"A Polícia Militar também reforçou o policiamento no entorno das unidades do IML, para garantir a segurança da população que buscava informações sobre as vítimas do acidente. As investigações sobre a colisão estão a cargo da Delegacia de Taguaí, que vai instaurar inquérito policial para apurar os fatos. Ao todo, 41 corpos foram identificados e liberados aos seus familiares", acrescenta o informe. 

Lista das vítimas
Adriel Calebe Alves de Oliveira
Aline Fernanda de Oliveira Antunes
Ana Claudia dos Santos
Andressa Aparecida Espadia
Beatriz Monteiro da Silva
Bruno de Oliveira Faustino
Camila Cristina Franco Vergueiro
Carolina Coelho Batista
Claudinei Carlos Barboza
Edina Madalena da Silva
Edna Aparecida Lobo Batista
Elisângela Aparecida Mingote
Fabiana Gois Vieira
Fernanda Estefany Silva Pereira
Francis Kelly Aparecida Nunes
Geison Gonçalves Machado
Gustavo Ferreira de Oliveira
Ivonaldo da Silva Custódio
Jean Soares Alves
Josiel Aparecido Alves
Joyce dos Santos Flores
Leandro Maximo Pereira
Leda Aparecida Estevam
Leonardo José Leme
Luciana da Silva Soares
Lucielem Firmino dos Santos
Lucineia Benedita Soldeira de Melo
Marciele Pedroso Nunes
Marcio Lima de Freitas
Maria Lúcia Martins Rocha
Niveo dos Santos Venâncio
Osani Lucio
Ramon Pereira de Lima
Regina Gonçalves Domingues
Ronivan Vilhena Augusto
Rosana Rodrigues de Oliveira
Tais Aparecida de Oliveira Ceara
Tiago Aparecido Aulfs
Valquíria de Oliveira Cruz
Vanessa Carolina Vieira dos Santos
Wellington Aparecido Corrêa

Fonte: Agência Brasil



quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Morre aos 60 anos o astro do futebol Diego Maradona

O ex-jogador argentino Diego Maradona morreu nesta manhã, aos 60 anos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória. Ele estava em sua casa, em Tigre, cidade vizinha de Buenos Aires.
Maradona foi operado no início do mês de um hematoma subdural e depois, por decisão familiar e médica, permaneceu hospitalizado devido a uma "baixa anímica, anemia e desidratação" e um quadro de abstinência devido ao vício em álcool, segundo os primeiros informes médicos.
"Sempre é preciso cuidar dele, agora ainda mais", disse Leopoldo Luque, médico particular do ex-jogador, após anunciar a alta hospitalar de Maradona no dia 11.
Matías Morla, advogado do ex-jogador, disse que Maradona "talvez tenha passado o momento mais duro de sua vida", e considerou um "milagre" que os médicos tenham diagnosticado o hematoma na cabeça "que poderia ter lhe tirado a vida".
O campeão mundial em 1986 é o atual técnico do clube Gimnasia y Esgrima La Plata, mas foi obrigado a deixar o comando da equipe nas mãos de seus assistentes há algumas semanas devido aos problemas de saúde.

Fonte: Reuters



Mega da Virada: apostas já podem ser feitas e prêmio é estimado em R$ 300 milhões

A Mega da Virada já recebe apostas para o prêmio especial estimado em R$ 300 milhões, segundo a Caixa. O sorteio da bolada será no último dia do ano.
Os jogos podem ser feitos em lotéricas de todo o país, pelo aplicativo Loterias Caixa ou pela internet. O valor da aposta simples, com seis números, é R$ 4,50.
Por ser um concurso especial, o prêmio não acumula. Se não houver acerto para as seis dezenas, o prêmio será dividido entre os acertadores da segunda faixa, de cinco dezenas. O valor prometido neste ano é o mesmo de 2019.
Segundo a Caixa, caso o vencedor leve o prêmio sozinho, se aplicado o dinheiro na poupança, o rendimento será de R$ 347 mil mensais. O dinheiro é suficiente ainda para comprar 42 iates de R$ 7 milhões, cada.
Clientes com acesso ao Internet Banking Caixa podem fazer suas apostas pelo computador pessoal, tablet ou smartphone. Para isso, basta ter conta corrente e ser maior de 18 anos.
Para jogar, é só marcar de 6 a 15 números dentre os 60 disponíveis no volante e torcer. O apostador ainda pode deixar que o sistema escolha os números por meio da Surpresinha. O valor da aposta simples, com 6 números, custa R$ 4,50.
O apostador também pode aumentar as chances de ganhar adquirindo os bolões que são comercializados nas lotéricas. Na Mega-Sena, os bolões têm preço mínimo de R$ 10,00. Porém, cada cota não pode ser inferior a R$ 5,00. É possível realizar um bolão de no mínimo 2 e no máximo 100 cotas.

Fonte: Portal Farol



Acidente entre ônibus e caminhão deixa 37 mortos na região de Avaré

Um acidente entre um ônibus e um caminhão provocou 37 mortes e deixou outras dezenas de feridos na manhã de hoje. O Corpo de Bombeiros de Piraju disse ao UOL que recebeu o primeiro chamado para atender a ocorrência às 06h45 da manhã. A batida aconteceu na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre Taguaí e Taquarituba, na região de Avaré, no interior de São Paulo.
De acordo com a Polícia Militar, de 22 a 25 pessoas morreram no acidente, no km 172 da rodovia, em Taguaí. O ônibus levava funcionários de uma empresa têxtil para o trabalho. 15 pessoas já foram levadas a hospitais e outras tentam ser resgatadas das ferragens, e o número pode ser atualizado, já que as informações são comprometidas pelas dificuldades de contato com o local.
"É uma ocorrência muito grave na região de Taguaí. Temos um ônibus que transportava 53 pessoas de uma empresa. Ele colidiu com um caminhão. Não temos dados precisos, porque é um local de difícil acesso. Mas acreditamos que tenha cerca de 22 a 25 vítimas fatais. 15 pessoas já foram socorridas para hospitais da região e outras vítimas estão recebendo socorro, porque ficaram presas nas ferragens", afirmou o tenente Alexandre Guedes, porta-voz da Polícia Militar, à GloboNews.
"A perícia está no local, é um momento de muito trabalho da PM. Estamos no local para preservar vidas e salvar mais pessoas. É muito cedo para afirmar o que causou [o acidente]. Trabalho agora é de prestar socorro. Estamos focados em resgatar pessoas", acrescentou ele.
O Corpo de Bombeiros de Piraju também informou ao UOL, às 10h30, que os Bombeiros ainda estão no local realizando os trabalhos em conjunto com a Polícia Rodoviária local. De acordo com a corporação, ainda não há a quantidade exata de vítimas fatais, no entanto, acredita-se que seja por volta de 20 pessoas. Duas pistas foram interrompidas devido ao acidente.
Segundo o UOL apurou, a fábrica em que trabalham os funcionários é a Stattus Jeans. As vítimas estão sendo levadas para os hospitais de Taguaí, Fartura, Taquarituba.
A região tem inúmeras fábricas têxteis, a maioria concentrada em Taguaí. Geralmente, estes ônibus buscam os funcionários das cidades da região para o trabalho.
A reportagem procurou a Star Turismo, empresa dona do ônibus envolvido no acidente, mas, até o momento, não teve retorno. A Stattus Jeans também ainda não respondeu aos contatos.

Fonte: UOL



Senai abre inscrições para cursos técnicos gratuitos, com vagas em Marília

O Senai abriu processo de inscrições para cursos técnicos gratuitos com vagas em duas áreas de formação na região, mais especificamente na unidade do Serviço na cidade de Marília – técnico de alimentos e técnico de eletroeletrônica -.
Sem mensalidade, os cursos cobram taxas semestrais para materiais didáticos impressos (livros e apostilas). O Senai cobra ainda taxa de inscrição de R$ 63,00.
A formação técnica de nível médio tem organização curricular própria e independente do Ensino Médio.  A seleção tem processo unificado com análise do histórico escolar. Os detalhes estão no edital do processo.
Os candidatos devem ter concluído, no mínimo, a 1ª série do Ensino Médio ou que estejam matriculados em curso permita conclusão até o início das aulas.
As inscrições podem ser feitas até 21h do dia 30 de novembro pelo site oficial do Senai e os resultados divulgados em janeiro, quando será aberto prazo de matrículas.

Fonte: Giro Marília



Sindicato alerta para atual cenário dos bancos: aglomerações, metas e bancários infectados

Mais um caso de covid-19 foi constatado essa semana em um funcionário do Banco do Brasil de Paraguaçu Paulista. O Sindicato dos Bancários de Assis e região está atuando em prol do trabalhador que, além de enfrentar uma sobrecarga de trabalho, com as ameaças diárias de demissões feitas pelos bancos e ter que cumprir metas abusivas em plena pandemia, também corre risco diariamente diante das aglomerações e da falta de distanciamento físico nas portas dos bancos.
A população também está sendo prejudicada com esse montante de demissões nos bancos, pois não existem novas contratações, prejudicando assim o atendimento ao público, formando-se filas imensas de espera e, por consequência, aglomerações nas portas das agências, aumentando o risco de contaminação da doença, que inicia uma segunda onda da pandemia neste momento.
"O Sindicato vem alertando que com as demissões ocorridas e o fechamento de agências, a tendência é que as aglomerações ocorram diariamente pela redução do quadro de funcionários, tornando a espera ainda maior para a população. Todos os dias se formam filas imensas na entrada das agências e se estende pela rua, contribuindo para esses agrupamentos. Essa é a contribuição dos banqueiros para os trabalhadores bancários e a população”, afirma o secretário geral do Sindicato, Fábio Escobar.

Redação do Garca.Jor



Operação contra pedofilia cumpre três mandados em Marília

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira, 25 de novembro, a operação Black Dolphin para cumprir 220 mandados de busca e apreensão contra suspeitos de pedofilia. Em Marília foram cumpridos três mandados.
A ação é coordenada por policiais do Demacro e do Deinter-5 (São José do Rio Preto). Os mandados são cumpridos nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.
Os três mandados de busca e apreensão cumpridos em Marília foram expedidos pela Vara da Infância e Juventude de São José do Rio Preto.
Nos três locais que foram vistoriados pelos policiais, a princípio não foram encontrados o armazenamento ou troca de imagens envolvendo pornografia infantil.
Todos os equipamentos foram apreendidos e vão para perícia. 
A Black Dolphin começou com uma investigação em 2018. Os policiais descobriram que um suspeito de pedofilia pretendia vender sua sobrinha para predadores sexuais na Rússia.
O plano dele era levá-la à Disney da Europa e entregá-la para os predadores na Rússia, alegando que ela teria desaparecido no parque.
Iniciou-se uma investigação de Organização Criminosa em 2019 com indícios de estrutura Piramidal, distribuição de tarefas – moments chats.
Foram realizadas infiltrações em mais de 20 comunidades na deepweb e encontrados mais de 10 mil contas de e-mails, além de mais de cinco nuvens exclusivas com imagens abusos infantis, abrigadas em países do leste europeu.
Também houve o encontro de predadores que produzem, compram e vendem material de abuso infantil, sequestro e tráfico de crianças para abusos.
Em 2019 foi localizado o “nickname” de um provável chefe da Organização Criminosa. Ele dizia que estavam protegidos pelo anonimato e que as leis brasileiras são ridículas.
Afirmava que no Brasil não tinha prisão para segurá-los. Somente a colônia, conhecida como Black Dolphin, poderia detê-los.
Essa prisão localiza-se junto à fronteira do Cazaquistão, abriga somente presos condenados à prisão perpétua e é
conhecida pelo rigor no tratamento dos detentos.
Em 2020 esse provável chefe foi identificado com residência no Brasil. Foi perfilado como machista, autoritário e possessivo.
Em agosto deste ano foi instaurado inquérito policial pela Delegacia Seccional de Polícia de São José do Rio Preto e distribuído para a Vara da Infância e Juventude da mesma comarca.

Fonte: Marília Notícia



terça-feira, 24 de novembro de 2020

Laudo aponta asfixia como causa da morte de adolescente na cadeia em Lutécia

A Polícia Civil informou nesta terça-feira, 24 de novembro, que teve acesso ao laudo do Instituto Médico Legal que apontou a causa da morte por asfixia de Carlos Alexandre Domiciano, que foi encontrado morto dentro de uma das celas da cadeia de Lutécia.
O corpo do menor, que tinha 17 anos, foi encontrado no dia 10 de outubro com um lençol enrolado no pescoço. Segundo o boletim de ocorrência registrado na época, o adolescente estava sozinho na cela.
No atestado de óbito, foi apontada a presença de sinais de enforcamento e de autolesões, além da informação de que o jovem teria tomado um medicamento. Porém, a família contestou essa versão da polícia e registrou um boletim de ocorrência pedindo que morte fosse investigada.
Segundo o delegado responsável pelo caso, Ricardo Fracasso, o laudo do IML comprova a morte por asfixia mecânica. Ele informou também que a mãe do adolescente já foi ouvido e o inquérito deve ser concluído em até 30 dias.
De acordo com o boletim de ocorrência, o adolescente foi apreendido no dia 9 de outubro por suspeita de tráfico de drogas em Assis e levado para a cadeia de Lutécia no mesmo dia, onde ficou em uma cela sozinho.
Na manhã do dia seguinte, consta no registro policial que ele chegou a conversar com um agente penitenciário e pedir para entrar em contato com a família para que eles mandassem produtos de higiene.
No entanto, ainda segundo o BO, o agente penitenciário voltou à cela do adolescente na hora do almoço e o encontrou morto com um lençol enrolado no pescoço. Ele tinha sinais de enforcamento e lesões, possivelmente autolesões, causados por cacos de vidro da janela, de acordo com o registro.
A TV Tem entrou em contato com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), mas não obteve retorno até a publicação da reportagem.

Fonte: TV Tem



Apresentador de TV Fernando Vannucci morre aos 69 anos em São Paulo

O apresentador e jornalista Fernando Vannucci morreu aos 69 anos, em Barueri, na Grande São Paulo, na tarde desta terça-feira, 24 de novembro. Vannucci deixa quatro filhos.
Segundo Fernandinho Vannucci, filho do apresentador, na manhã desta terça, ele passou mal em casa e foi levado para o hospital.
De acordo com informações da Guarda Civil Municipal de Barueri, Vannucci foi levado ao Pronto-Socorro central da cidade, onde morreu.
No ano passado, Vannucci sofreu um infarto e ficou internado no Hospital Oswaldo Cruz, onde passou por uma angioplastia coronária. Ele chegou a colocar um marcapasso.
Nascido em Uberaba, Vannucci começou a trabalhar em rádio ainda adolescente. Na década de 70, entrou na TV Globo, em Minas Gerais, e depois foi transferido para a Globo do Rio de Janeiro. Na emissora, apresentou jornais como o Globo Esporte, RJTV, Esporte Espetacular, Gols do Fantástico, entre outros.
Na passagem pela Globo, Fernando Vannucci cobriu seis Copas do Mundo: 1978, 1982, 1986, 1990, 1994 e 1998 e ficou marcado pela criação do bordão "Alô, você!".
Ele também trabalhou em TV Bandeirantes, TV Record, Rede TV. Desde 2014, ele atuava como editor de esportes na Rede Brasil de Televisão.

Fonte: G1



Projeto contribui para gerar renda, polinização e recuperação de áreas

O Projeto Polinizadores - Projeto de Apicultura e Meliponicultura, uma iniciativa da Bracell com o apoio e a parceria de Associações de Apicultores e Meliponicultores de cinco regiões da área da atuação da empresa - Lençóis Paulista, Bauru, Botucatu, Avaré e Marília - conta hoje com mais de 200 apicultores associados, em um trabalho de geração de renda, polinização e recuperação de áreas degradadas.
Além da parceria com as associações, o projeto conta também com o apoio técnico da Unesp de Botucatu por meio do Núcleo de Ensino, Ciência e Tecnologia em Apicultura Regional (Grupo Nectar). A Unesp oferece o suporte com orientações técnicas, passando informações sobre a instalação dos apiários/meliponários, manejos técnicos visando alta produtividade, nutrição das abelhas e desenvolvimento das colônias de forma consciente e segura.
Os apicultores credenciados obtêm melhoria em produtividade e qualidade do mel, propiciando à comunidade maior desenvolvimento social e econômico, além dos benefícios da preservação ambiental tanto das abelhas quanto da mata nativa.
Neste projeto, a empresa cede o espaço em suas áreas florestais para a instalação e manejo de apiários dos produtores credenciados, possibilitando a geração de empregos direta e indiretamente. Também permite que os produtores usufruam da florada do eucalipto e da vegetação nativa das áreas para a produção do mel e demais produtos derivados do manejo de abelhas.
Para o apicultor Jorge Rodrigues da Silva, da região de Botucatu, esta parceria representa um grande benefício e a possibilidade de ampliar seus negócios. "É o sonho de qualquer apicultor, uma vez que a colheita da safra de mel no eucalipto é três vezes maior. Isso gera bons negócios para o produtor e uma grande ajuda para quem vive só de abelha", comentou. O apicultor destacou ainda que, atualmente toda a renda de sua família vem da safra do mel e, por meio do Programa Polinizadores, a expectativa é de um aumento da safra.
O professor da Unesp Ricardo de Oliveira Orsi ressalta que, além da questão socioeconômica do projeto, há também a importância ambiental. "As abelhas nas áreas de eucalipto ficam mais próximas da mata silvestre e acabam colaborando diretamente com a polinização nessas áreas além de ajudar na recuperação de áreas degradadas", destacou.
Sabrina de Branco, Gerente Sênior de Relações Corporativas, Comunicação e Sustentabilidade da Bracell, explica que as atividades serão realizadas seguindo normas e critérios ambientais. "A Bracell tem uma atenção especial com o meio ambiente e tem buscado fazer a diferença nas comunidades onde está inserida. O projeto Polinizadores consegue conciliar o desenvolvimento econômico com a proteção ambiental, abrindo a possibilidade de apoiar outros negócios dentro das áreas de operação da empresa."
Informações sobre as atividades de apicultura e meliponicultura nas áreas da Bracell, os interessados podem entrar em contato pelo telefone 0800 709 1490.

Divulgação



TCE-SP aponta risco de descumprimento de obrigações fiscais em Marília

O município de Marília, no encerramento do primeiro mandato do prefeito Daniel Alonso (PSDB), pode descumprir o mínimo constitucional de gastos em Educação. O alerta é do Tribunal de Contas do Estado (TCE-SP). A Prefeitura, que ainda tem pouco mais de um mês para executar o orçamento, diz que não haverá descumprimento.
O órgão alertou ainda para outros pontos, como arrecadação da previdência do município, restos a pagar e metas fiscais.
Um ponto que pode gerar rejeição de contas é o descumprimento do artigo 212 da Constituição Federal, que determina que Estados, Distrito Federal e municípios devem aplicar pelo menos 25% da receita de impostos – e transferências legais – em Educação.
Em ano de pandemia, despesas como transporte escolar e material de consumo nas escolas tiveram queda acentuada. A situação de Marília não é diferente de outras localidades.
O Marília Notícia já mostrou a situação desfavorável, à luz da norma constitucional, no contexto de pandemia. O secretário municipal da Fazenda, Levi Gomes, disse que a Prefeitura pretende fazer investimentos no orçamento atual, elevando o gasto em Educação, que poderá gerar reforços nas escolas para quando os alunos voltarem.
“Não é uma questão só de Marília. Fizemos, inclusive, um ofício ao Ministro Guedes, que já se reuniu com o Congresso para tratar do assunto. É possível que essa provocação gere alguma medida para evitar que os municípios sejam penalizados”, disse.
O Tribunal alertou que a despesa com pessoal, no encerramento do mês de junho, em Marília, correspondeu em 44,2% das receitas. Por ser ano eleitoral, a Lei de Responsabilidade Fiscal manda que não haja aumento de despesas no segundo semestre.
A elevação de gastos foi uma das irregularidades que comprometeu as contas da gestão do ex-prefeito Ticiano Toffoli, que administrou a cidade em ano eleitoral, em 2012 – após a renúncia de Bulgareli – com aumento de despesas de pessoal.
Ainda conforme alerta do TCE-SP para a gestão Daniel Alonso, a situação de liquidez – capacidade de pagamento, frente às obrigações em curto espaço de tempo – apresenta déficit no resultado do período atual e no projetado para o ano.
Com a disparidade, há risco do município de Marília tornar-se inadimplente, segundo o Tribunal que acompanha as contas públicas.
Nesta segunda-feira (23), o secretário Levi voltou a dizer ao MN que a execução do orçamento será feita sem violações.
“Todas as obrigações constitucionais serão cumpridas. O TCE-SP, durante o ano, faz vários alertas, mas nada preocupante”, garantiu.

Fonte: Marília Notícia



Famema: Justiça condena ex-diretor da Famar e empresa por improbidade

A Vara da Fazenda Pública de Marília condenou o ex-diretor da Famar (Fundação de Apoio à Faculdade de Medicina de Marília), Everton Sandoval Giglio, e a empresa Verocheque Refeições por improbidade administrativa na assinatura de aditivos contratais para fornecimento de cartões vales alimentação.
O julgamento do caso levou pouco menos de um ano, desde a denúncia em dezembro de 2019, até a decisão final, assinada no dia 10 de novembro pelo juiz Walmir Idalêncio dos Santos Cruz.O processo não indica notificação dos acusados sobre a sentença.
A denúncia do Ministério Público do Estado acusa irregularidades na assinatura de pelo menos seis aditivos considerados ilegais em decisão do Tribunal de Contas do Estado.
A Verocheque ainda presta serviços para a Famar, que divulgou nesta terça-feira um aditivo a um novo contrato com a empresa com valor de R$ 3,7 milhões em novo contrato firmado com a empresa.
“Ao prorrogar ilegalmente o contrato original, sem justificativa quanto a buscar preços e melhores condições de contratar com a Administração, e retardar, injustificadamente, a abertura de nova licitação, o requerido Éverton Sandoval Giglio incidiu em ofensa aos princípios da impessoalidade, economicidade, eficiência e moralidade”, diz a decisão judicial.
A Famar é uma das quatro instituições envolvidas na gestão de orçamento, compras e contratos do Complexo Famema em Marília, que envolve ainda duas autarquias do governo do Estado - o Hospital de Clínicas e a Faculdade de Medicina - e a Fumes (Fundação Municipal de Ensino Superior).
O Tribunal de Contas já manifestou orientação para que a Famar seja extinta, mas o atendimento tanto na faculdade quanto no complexo de hospitais depende da instituição até que o governo do Estado promova uma regularização administrativa do complexo. 
O ex-diretor e a empresa ainda podem recorrer contra a decisão. Confira a integra da sentença ou veja abaixo detalhes das penas estabelecidas pela Justiça em Marília
- Ressarcimento integral do dano, a ser apurado em liquidação de sentença,
- Suspensão dos direitos políticos, pelo prazo de 3 (três) anos;
- Pagamento de multa civil equivalente à remuneração percebida pelo requerido Éverton Sandoval Giglio durante o período de vigência dos termos aditivos nºs 5 e 6 ao Contrato nº 042/2009, cujo valor deverá ser apurado em liquidação de sentença;
- Proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

Fonte: Giro Marília



Senai traz capacitações sobre mecânica e instalações elétricas para Garça

O Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) traz para Garça mais dois cursos de capacitação de mão-de-obra: auxiliar de manutenção mecânica e manutenção de instalações elétricas em baixa tensão residencial.
Aqueles que se inscreverem no curso de auxiliar de manutenção mecânica irão aprender a montagem, desmontagem e manutenção de máquinas e equipamentos industriais. 
Já os interessados no curso de instalações elétricas em baixa tensão residencial terão contato com os serviços de manutenção preventiva e instalações elétricas residenciais.
Os dois cursos serão realizados na carreta do Senao que está instalada no Lago Artificial "J. K. Williams" e serão ministrados de 24 de novembro a 15 de dezembro, às terças, quartas e quintas-feiras. Das 13h30 às 17h30 ocorrerá o curso de auxiliar de manutenção mecânica e das 18h30 às 22h30, o curso de manutenção de instalações elétricas em baixa tensão residencial.
As inscrições podem ser feitas nos dias 23 e 24 de novembro, das 07h00 às 13h00, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, na rua XV de Novembro, 110, Centro. O candidato deve levar cópia de RG, CPF e comprovante de residência. A idade mínima para participar é de 18 anos. Cada turma terá apenas dez pessoas.
Informações podem ser obtidas pelos fones 3406 1040 e 3471 4637.

Redação do Garca.Jor



segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Black Friday: comércio de Garça vai funcionar no período noturno na próxima sexta

Na próxima sexta-feira, 27 de novembro, o comércio vai viver mais uma edição de uma das datas que vem se mostrando mais ativas no que se refere às vendas: a Black Friday. Esse dia promocional, que é tão tradicional para o público dos Estados Unidos, foi "abraçado" pelos consumidores brasileiros e neste ano, mesmo diante da pandemia, a expectativa é de que bons negócios possam ser processados. E Garça não ficará alheia à Black Friday. Depois de gestões realizadas pela Acig (Associação Comercial e Industrial de Garça), foi definido que o comércio garcense estará aberto na próxima sexta até às 22 horas.
João Francisco Galhardo, presidente da entidade, apontou que, ao longo desta semana, a entidade efetuou uma reunião com o prefeito João Carlos dos Santos (DEM), sendo que, após as tratativas, foi definido que, até o final do ano, seja retomado o calendário anteriormente fixado pelo Acig, sendo que a Black Friday vai ser a primeira iniciativa dessa retomada.
"Gostaria de destacar que todos os comerciantes aproveitassem essa oportunidade, já que até agora ficamos com restrições. Neste momento temos a possibilidade de fazer um horário estendido. E a Acig também vai fazer uma surpresa a todos, que será a inauguração da iluminação do Natal, que neste ano, como tivemos pouco tempo para 'correr atrás', será uma iluminação toda centralizada na praça da Matriz, mas que vai ser muito bonita", explicou Galhardo.
Para o presidente da entidade, a questão da pandemia infelizmente ainda está presente e a sociedade como um todo vai ter de conviver com ela por mais algum tempo. No entanto, o momento não é de retomada do fechamento das lojas, mas, sim, de buscar ter o cuidado necessário para evitar a proliferação do coronavírus.
"Deu para entender um pouco melhor como é que é, deu para entender que a gente tem de ter um distanciamento, um protocolo de higienização das lojas, uso de máscara, do álcool em gel. Então, as lojas estão todas obedecendo isso daí, por isso é que temos visto um número menor de casos, por isso dá para a gente continuar a trabalhar, estender um pouco os horários, já que estendendo diminui até a aglomeração. Então, é nesse intuito que a gente vai trabalhar daqui até o final de ano", apontou.
Na próxima sexta, com o comércio no horário noturno, a Acig vai voltar a oferecer segurança no Centro da cidade e esse tipo de procedimento se estenderá nos períodos especiais de funcionamento do final de ano. "Os enfeites que vão estar dispostos ali na praça vão exigir uma segurança 24 horas. Vamos colocar segurança para garantir isso e quando chagarmos no período natalino também vamos continuar com isso, que é um costume já. Além disso, neste ano também teremos o auxílio do monitoramento, que é uma parceria da Acig com a Prefeitura para todo Centro comercial e também vai facilitar bastante quanto à segurança dos clientes", lembrou Galhardo.

Fonte: Jornal Debate



Procon de Garça fecha mês de outubro com registro de 320 atendimentos

A unidade do Procon de Garça apresentou o balanço de atendimentos do órgão relativo ao mês de outubro. No período, 320 demandas foram processadas pelo serviço local. 
Durante o mês passado, as “simples consultas” somaram 154 demandas. As “simples consultas” são as orientações oferecidas ao consumidor quando ele busca o auxílio do Procon para esclarecer alguma dúvida sobre contratos, compras, entre outros procedimentos. 
Em outubro, os procedimentos da Nota Fiscal Paulista totalizaram 48 atendimentos. Ainda no mês, foram verificados 40 atendimentos preliminares. Esse tipo de procedimento pode ser realizado por meio de uma ligação telefônica, quando o Procon intervém junto ao fornecedor para obter a resolução do problema do consumidor, em caso de se tratar de uma relação de consumo. Nesse tipo de atendimento, há o compromisso do fornecedor de resolver a questão.
Também foram registradas 64 emissões de CIPs (Carta de Informações Preliminares). Essa carta é enviada ao fornecedor diante da necessidade de que ele se manifeste por escrito sobre algum pleito apresentado pelo consumidor — atendendo ou não a reclamação.
Em outubro ocorreram oito procedimentos extra Procon (que não têm relação com assuntos sobre defesa do consumidor), seis CIPs finalizadas com acordo e nove CIPs finalizadas com outras baixas (encerradas, canceladas, consulta concluída).
Clodoaldo José de Oliveira, agente responsável pelo Procon em Garça, apontou que, ao longo de 2020, até a finalização de outubro, o órgão realizou 2.973 atendimentos, com as "simples consultas" chegando a 1.610 demandas, 318 atendimentos preliminares, 391 cartas emitidas, 219 cartas finalizadas com acordo, 94 cartas finalizadas com outras baixas, 34 atendimentos extra Procon e 307 procedimentos relacionados à Nota Fiscal Paulista.
O Procon de Garça iniciou suas operações em 02 de maio de 1996. O órgão tem como objetivo principal elaborar e executar a política de proteção e defesa dos consumidores, através do recebimento e processamento de reclamações administrativas, individuais e coletivas, contra fornecedores de bens ou serviços, orientação aos consumidores e fornecedores sobre direitos e obrigações nas relações de consumo, fiscalização do mercado consumidor para fazer cumprir as determinações da legislação de defesa do consumidor, entre outros procedimentos.
Em Garça, o Procon atende à rua XV de Novembro, 110, no Centro. O funcionamento é de segunda a quinta-feira, das 07 às 13 horas, sendo que o órgão não atende às sextas-feiras e finais de semana. O telefone é 3406 3632.

Fonte: Jornal Debate



Guedes prevê perda de 300 mil vagas de trabalho em 2020

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje, 23 de novembro, que o país deve perder cerca de 300 mil vagas formais de trabalho neste ano. Apesar da retomada de criação de novos postos de trabalho nos últimos meses, o ministro prevê que haja uma desaceleração na geração de empregos até o fim de 2020.
“Nós vamos possivelmente chegar ao final deste ano perdendo 300 mil empregos, que dizer, 20% do que perdemos nos anos de 2015 e 2016. No ano que enfrentamos a maior crise da nossa história, uma pandemia global, vamos perder entre um quinto e um terço dos empregos perdidos na recessão anterior”, disse Guedes durante o seminário virtual Visão do Saneamento – Brasil e Rio de Janeiro, promovido pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).
Segundo o ministro, houve uma perda média anual de cerca de 1,3 milhão de empregos nos anos de recessão de 2015 e 2016.
“O Brasil criou 500 mil empregos em julho, 250 mil em agosto e 313 mil em setembro. Está para sair a qualquer momento [os dados de] outubro. Eu nem acredito que vá continuar nesse ritmo tão acelerado. É natural que dê uma desacelerada”, disse.
De acordo com o ministro, todas as regiões brasileiras e setores econômicos estão criando empregos. “A economia voltou em V como esperávamos. O FMI [Fundo Monetário Internacional] previa uma queda de 9,5% do PIB [Produto Interno Bruto] brasileiro. Vai ser bem menos que a metade”, disse Guedes.

Fonte: Agência Brasil



Entidade destaca cidade e espalha bandeiras na Labieno

Desde o último dia 10 de novembro, a Acig passou a instalar bandeiras do Brasil e do município para incentivar as compras no comércio local e ainda valorizar os produtos fabricados em Garça. Essas bandeiras estão dispostas na avenida Labieno da Costa Machado, da proximidade da Unirádio até a rotatória de São Pedro, dentro de uma campanha denominada "Made in Garça”.
 “É uma satisfação ver a cidade com bandeiras de Garça e do país, valorizando o que é nosso, buscando dar preferência aos produtos da nossa terra. Temos aqui em Garça muita coisa boa, muitos produtos fabricados aqui e que temos de prestigiar, que levam o nome de nossa cidade para os quatro cantos do país e do mundo afora”, declarou o presidente.
Por sua vez, bandeiras do Brasil também estão sendo fixadas no Centro comercial e podem serem vistas enfeitando as ruas. Um vídeo está sendo produzido nessa região da cidade e no Distrito, mostrando as bandeiras na cidade de Garça e ressaltando e incentivando o consumo de produtos nacionais e resgatando o patriotismo e valorizando o país.
A Acig desenvolveu uma logomarca do “Made in Garça” e para aqueles que quiserem utilizar essa identificação em seus produtos, notas fiscais, carros, podem imprimir e divulgar. Segundo o presidente Galhardo, a intenção da Acig é justamente retomar o amor e o orgulho de ser garcense e brasileiro.

Fonte: Jornal Debate



Aumenta número de golpes com clonagem de cartões em Garça

A Polícia Civil de Garça calcula que criminosos já levaram mais de R$ 25 mil só de moradores da cidade em um novo golpe que se alastrou em época de isolamento social. É o falso aviso de clonagem de cartão.
De acordo com informações do delegado Gustavo Danilo Pozzer, titular na delegacia local, somente nesta semana o crime fez três vítimas.
Criminosos se passam por bancários, ao telefone, e usam até crachás falsos para buscar cartões de crédito supostamente clonados nas casas de clientes. Depois fazem saques usando senha e dados pessoais.
Segundo o delegado, as ocorrências são idênticas. Primeiro os estelionatários ligam de telefones fixos, dizendo que o cartão de crédito ou débito da pessoa foi clonado e está sendo utilizado em compras em outras cidades.
Com isso, eles obtêm facilmente dados pessoais do cliente do banco e, inclusive, a senha do cartão.
“Para convencer as vítimas, os supostos funcionários são extremamente solícitos. Em dado momento, os criminosos pedem que o cartão clonado seja entregue a um suposto funcionário que está indo à casa da vítima buscar o cartão fraudado”, conta o delegado.
De posse do cartão e da senha, eles fazem saques deixando um grande prejuízo aos correntistas.
Também são feitas operações de crédito eletrônico, compras e transferências.
O golpe é muito simples, mas tem feito estragos, já que os bandidos deixam as vítimas ainda mais vulneráveis, se passando por servidores que estão resolvendo problemas, quando o golpe ainda não ocorreu.

Fonte: Marília Notícia



Carro bate em bomba de combustíveis e provoca incêndio em Promissão

Um carro atingiu uma bomba de combustíveis de um posto e provocou um incêndio na manhã deste domingo, 22 de novembro, na rua Doutor Uetsuka, no Centro de Promissão. O veículo foi totalmente consumido pelas chamas e parte do chão e telhado do estabelecimento ficaram destruídos. O acidente assustou moradores da cidade, que foram pessoalmente até a base do Corpo de Bombeiros para acionar uma equipe, a fim de agilizar o atendimento. 
De acordo com a corporação, por volta das 9h10, o motorista de um Fiat Pálio, que estacionava para abastecer, por motivos a serem esclarecidos, atingiu uma das bombas de combustíveis. O fogo teria começado no instante do impacto e se alastrado.
A partir do momento em que as equipes chegaram no local, foram cerca de 40 minutos de combate até que a situação estivesse controlada. "O sistema de segurança da bomba, que interrompeu o fornecimento de combustível no momento em que a mangueira foi rompida, foi essencial para reduzir os danos", afirma o bombeiro municipal Miranda, que participou do atendimento da ocorrência e contou que moradores foram até a base para alertar sobre o incêndio.
Ainda segundo a corporação, os ocupantes do veículo conseguiram sair a tempo, porém, não foram localizados após o término da ocorrência. A Polícia Civil foi acionada e deverá investigar o caso. Ninguém ficou ferido.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru



Encontro de líderes de Israel e da Arábia Saudita marca nova etapa no Oriente Médio

Os líderes de Israel e da Arábia Saudita realizaram uma reunião secreta no domingo (22) à noite, o primeiro encontro do tipo entre os países rivais.
Apesar da natureza sigilosa, dado que ambas as nações não têm relações diplomáticas, o encontro entre o primeiro-ministro Binyamin Netanyahu e o príncipe herdeiro Mohammed bin Salman foi desenhado para ser visto por todos na região —em especial o inimigo que os une, o Irã.
Bibi, como o premiê é conhecido, voou para Neom, a cidade futurista que MbS, como o governante de fato do reino saudita é apelidado, está construindo na costa do mar Vermelho.
Ele decolou às 19h30 (14h30 em Brasília), e seu avião desapareceu do radar perto do território saudita, reaparecendo em Tel Aviv por volta da meia-noite. Ao mesmo tempo, pousava em Neom o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, que por lá ficou das 20h30 às 23h30.
MbS havia acabado de ser o anfitrião virtual do encontro do G20, grupo de economias mais desenvolvidas. Nenhum governo comentou o encontro, mas ele foi vazado por diversos órgãos de mídia estatais israelenses, inclusive a Rádio do Exército.
Tal publicidade não é gratuita. Durante anos, autoridades de ambos os países mantêm encontros discretos, geralmente em território neutro. Uma reunião Bibi-MbS altera o patamar da relação, abrindo o caminho para que ambos os países estabeleçam laços.
A presença de Pompeo também não é trivial. Estrela radical de um governo derrotado nas urnas, ele está numa frenética atividade de fim de mandato. E sabe que o Oriente Médio é o lugar em que Donald Trump deixará seu principal legado.
Nem todo mundo está feliz com ele, claro, a começar pelos palestinos. O grupo, que já não negocia a paz com seus vizinhos israelenses há alguns anos, foi colocado de lado naquilo que Trump disse ser o plano definitivo para estabilizar a região.
Na prática, Washington cedeu aos desígnios de Tel Aviv, permitindo um maior controle territorial por parte do Estado judeu de áreas árabes e efetivamente esterilizando o arremedo de governo comandado na Cisjordânia pela Autoridade Nacional Palestina e, em Gaza, pelo grupo extremista Hamas.
Em troca, foi estabelecido um diálogo inédito no mundo árabe, e dois países do golfo Pérsico aliados de Riad, os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein, entraram em acordo com Israel.
Logo depois, o Sudão assinou um tratado de normalização com Tel Aviv — com grande simbolismo, dado que o país havia lutado contra os judeus nas guerras árabe-israelenses, ao contrário das nações do golfo.
A decorrência lógica seria a aproximação com a Arábia Saudita, monarquia absolutista que é o centro do ramo majoritário do muçulmanismo, o sunismo. Ambos os países percebem o Irã, nação líder do grupo minoritário da religião, o xiismo, como adversário existencial.
Recentemente, o governo saudita inclusive especulou publicamente a possibilidade de adquirir armas nucleares, algo que Israel possui, caso o regime dos aiatolás em Teerã vá em frente e desenvolva a bomba. Trump fez da pressão sobre os iranianos uma política oficial.
Para Bibi, uma perspectiva de paz com Riad vem em boa hora: ele enfrenta novas acusações de corrupção na compra de submarinos alemães e tem o maior rival, Benny Ganz, instalado como ministro da Defesa no governo de coalizão, de olho em sua cadeira.
Já MbS busca uma reabilitação no Ocidente. O jovem príncipe de 35 anos, visto inicialmente como dinâmico e modernizador, teve sua reputação arrasada com a violenta guerra que patrocina contra rebeldes pró-Irã no Iêmen e com o assassinato a sangue frio de um jornalista saudita na Turquia.
Ele também enfrenta oposição interna na família real, resolvida à moda saudita por ora, com prisões e expurgos. Por fim, há o desafio da queda do preço do petróleo, vital para o país, devido à pandemia.
Mas é o Irã que liga, ao fundo, os dois. Há poucas dúvidas de que o governo de Joe Biden continuará a estimular tal aproximação, e para o democrata seria um belo gol de começo de mandato se tivesse Bibi e MbS nos jardins da Casa Branca.
Há alguns óbices, a começar pela forma como tratar Teerã. Trump radicalizou a relação, que havia sido azeitada com o acordo nuclear promovido pelo antecessor, Barack Obama, de quem Biden foi vice. É de se especular que ele poderá buscar reduzir a tensão atual.
E o seu partido tem tradição, que remonta à primeira paz entre Israel e um país árabe, o Egito em 1979, de buscar representatividade para os palestinos. Afinal, foi o democrata Bill Clinton que entrou para a história em 1993 com o estabelecimento das áreas autônomas palestinas e o reconhecimento mútuo.
Só que esse processo de paz, originado nas negociações de Oslo nos anos 1990, está morto. Se Biden tentar revivê-lo, terá de lidar com o fato de que o mundo árabe, a começar por sua potência líder, rifou os palestinos no caminho.

Fonte: Folha de São Paulo