segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Proprietário de sítio é multado em R$ 25 mil por destruir vegetação nativa em Marília

O proprietário de um sítio em Marília foi autuado em quase R$ 25 mil por destruir uma área de vegetação nativa.
Segundo a Polícia Ambiental, a equipe recebeu uma denúncia e verificou que a área do plantio de cana-de-açúcar tinha sido atingida por queimada. Foram destruídos 19,88 hectares, sendo 0,78 hectares em área de preservação permanente de nascente e curso d’água.
A polícia informou que também foi atingida uma vegetação de bambu que estava em estágio de regeneração. Por causa disso, foram lavrados dois autos de infração ambiental no valor de R$ 24.840.
Em São Pedro do Turvo, o proprietário de uma fazenda também foi autuado neste domingo (18) por utilizar fogo em área agropastoril e danificar a regeneração de demais formas de vegetação.
Segundo a polícia, durante patrulhamento, a equipe encontrou uma área de 16,41 hectares de cultivo de cana-de-açúcar com resquícios de queimada e elaborou dois autos de infração ambiental no valor de R$ 17.835.

Fonte: G1



Nenhum comentário:

Postar um comentário