sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Novo aplicativo de transporte começa a operar em Assis

Um novo aplicativo de transporte privado foi lançado para os moradores de Assis, desde junho operando na cidade, o aplicativo GP Car Grand Prix promete revolucionar o mercado de caronas remuneradas.
Segundo o fundador da empresa, Gesiel Capistrano Ferreira, o aplicativo tem diversas vantagens para o usuário. "Além de baixar o aplicativo nas lojas digitais, no GP Car os clientes conseguem fazer o pedido por meio de telefonema, por isso disponibilizamos um número de telefone para o usuário ligar ou pedir via WhatsApp, além de um 0800 que também atende os pedidos de carro pelo whats", explica.
A empresa GP Car Grand Prix já é consolidada na cidade de Olímpia e agora começa e se estender para outras cidades. Para Gesiel, a principal diferença dos concorrentes é o pedido sem internet.
"O principal diferencial do aplicativo GP Car é a Central de Atendimento que permite aos clientes fazerem os pedidos das corridas mesmo estando sem internet. A Central funciona das das 6h à 0h e nesse período o cliente consegue pedir com apenas um telefonema. Para usar esse sistema o usuário precisa estar com o endereço em mãos e caso queira saber o valor da corrida, precisa confirmar também, o local de destino. Os pedidos de corrida pelo aplicativo podem ser feitas qualquer horário ou podem até serem agendadas", conta Gesiel, fundador da GP Car.
A opção de pedidos por telefone, sem a necessidade de internet é vantajosos para o público que tem dificuldades em mexer em aparelhos celulares, ou preferem fazer ligações.
Outro beneficio do aplicativo é que ele oferece parceria com empresas e afins.
"Oferecemos a opção de parceria fechada com hotéis e empresas. Se o estabelecimento fecha com a gente, ele consegue pedir os carros para seus clientes do computador da empresa", diz.
Em Assis já são mais de 100 carros cadastrados para operar na cidade. O atendimento é rápido e eficiente. A empresa conta com motoristas do sexo feminino, que podem ser solicitadas por clientes que preferirem uma mulher como condutora.
Outra novidade é que pessoas da região, em um raio de até 60 Km, conseguem pedir carro para ir e voltar para Assis.

Fonte: AssisCity


Nenhum comentário:

Postar um comentário