segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Inscrições para contratação de agentes de apoio em Garça terminam hoje

A Prefeitura de Garça abriu inscrições para um processo seletivo para a contratação — em caráter de urgência — de agentes de apoio para os programas sazonais de proteção social básica e proteção social especial, com foco na implementação de ações sócioassistências. Estão abertas quatro vagas para a referida função, com jornada de trabalho de 42 horas semanais, e remuneração de R$ 1.325,28 por mês, sendo que o período de contratação deverá ser de cinco meses, sendo exigido do profissional o ensino fundamental e experiência em área de assistência social (proteção social básica ou especial).
As inscrições para o processo seletivo foram abertas nesta semana e se estendem até o dia 03 de agosto, sendo que os interessados devem efetuar seu interesse na vaga pelo e-mail social@garca.sp.gov.br, sendo necessário anexar curriculum vitae e comprovante de escolaridade.
Será considerado habilitado para a entrevista o candidato que constar na entrega do curriculum os requisitos mínimos exigidos no referido processo seletivo. Os candidatos aprovados serão classificados e identificados, segundo a ordem decrescente da nota final no processo. Além disso, também será processada a avaliação de títulos, com o acréscimo de notas para doutorados, mestres e profissionais com curso de pós-graduação e de cursos avulsos.
Os candidatos classificados no processo serão divulgados em lista no dia 13 de agosto, podendo caber recursos, e a classificação final será apresentada no dia 17 de agosto.
O cargo de agente de apoio prevê a realização de abordagens sociais nos territórios com vistas a serem identificados migrantes, população de rua e indivíduos que possam vir a fazer parte do grupo de risco da covid-19, que possam estar expostos ou excluídos do acesso a bens e serviços públicos durante a pandemia; orientar quanto a saúde, higiene e isolamento social durante a pandemia.
O profissional contratado também deverá realizar os encaminhamentos necessários conforme demandas oriundas; articular o trabalho de rede na proteção e garantia de direitos e os serviços sócioassistenciais (acompanhamento e monitoramento); ofertar repouso, alimentação e cuidados com a higiene pessoal; elaboração de relatórios dos serviços efetivados, assim como efetuar o acompanhamento de equipes multidisciplinares.

Redação do Garca.Jor


Nenhum comentário:

Postar um comentário