terça-feira, 23 de junho de 2020

Bispo diocesano descarta retomada imediata de missas

O bispo diocesano de Marília, Dom Luiz Antonio Cipollini, pediu que os fiéis de toda a região reforcem com ele as orações com pedidos para fim da epidemia de coronavírus e proteção a todas as pessoas e ao dom da vida.
A manifestação foi apresentada em uma mensagem para responder os repetidos apelos pela retomada de missas presenciais nas paróquias vinculadas à Diocese.
“É uma grande preocupação minha e de todo clero esse momento do retorno às missas públicas. Porém queremos retornar com um pouco mais de segurança e também com a possibilidade de acolher as pessoas”, disse o bispo na mensagem.
Dom Luiz Antonio explica que é uma situação muito difícil imaginar a retomada das missas com fiscalização do acesso de fiéis.
“É muito difícil ter que dizer você pode entrar, você está no grupo de risco, você isso e aquilo.”
O bispo afirmou ainda que recebeu todos os apelos como mensagens de muito respeito e afirmou que a retomada das celebrações é também um desejo pessoal dele e de todo o clero, mas que o momento ainda exige cuidados.
“Por enquanto vamos tomar todos os cuidados para não sobrecarregar o nosso sistema de saúde, que habitualmente já é limitado”, afirmou.

Fonte: Giro Marília


Nenhum comentário:

Postar um comentário