segunda-feira, 4 de maio de 2020

Escritor e compositor Aldir Blanc morre aos 73 anos, vítima de covid-19

O compositor e escritor Aldir Blanc morreu, aos 73 anos, na madrugada desta segunda-feira, 04 de mio, no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Ele estava com covid-19 e seu quadro de saúde era considerado grave.
O artista foi internado no 10 de abril, com sintomas de infecção urinária e pneumonia, e uma de suas filhas, Isabel, chegou a pedir doações para possibilitar a transferência e tratamento do artista, então no CTI do CER do Leblon.
As primeiras informações descartavam a possibilidade, mas novos exames mostraram suspeita de coronavírus e o compositor foi submetido ao teste específico de covid-19, que se revelou positivo.
O exame foi realizado pelo Laboratório Central Noel Nutels, da rede estadual.
Aldir Blanc é autor ou coautor de diversas canções fundamentais da música popular brasileira, como O Bêbado e a Equilibrista, Bala com Bala, O Mestre-Sala dos Mares, De Frente Pro Crime e Caça à Raposa, além de outras quatro centenas de letras e composições, e uma também de uma extensa obra como cronista.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru


Nenhum comentário:

Postar um comentário