terça-feira, 31 de março de 2020

Agente penitenciário assassina esposa a tiros em Martinópolis

Uma briga entre casal acabou com a morte de uma mulher de 24 anos, em Martinópolis. O marido de 35 anos foi preso.
A ocorrência teve início por volta das 23 horas desta segunda-feira, 30 de março. O crime tirou o sono de muitas pessoas que foram até o bairro Pioneiro 2 para saber o que estava acontecendo.
A briga entre o casal Alex Betti e Renata Alves começou por volta das 22 horas e a Polícia Militar foi acionada quando disparos foram efetuados momentos depois.
Um tio da vítima disse que, ao perceber que o marido estava alterado, a moça chegou a mandar uma mensagem pedindo ajuda para a família.
Quando os policiais chegaram na casa os disparos contra a vítima já haviam sido feitos. Mas foram realizadas negociações com o marido para que ele não se suicidasse. Os fatos se estenderam pela madrugada desta terça-feira (31).
A vítima trabalhava como técnica de enfermagem na Santa Casa de Martinópolis e Alex como agente penitenciário. Eles estavam casados há 11 meses e não tinham um histórico frequente de brigas.

Fonte: Tupãcity


Nenhum comentário:

Postar um comentário