quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

Com risco de ser cassada, prefeita tucana de Vera Cruz vai depor em CP

A Comissão Processante instaurada pela Câmara de Vera Cruz para tramitação de um pedido de cassação da prefeita Renata Zompero Dias Devito (PSDB) marcou para o dia 10 de fevereiro, segunda-feira, depoimento da prefeita e das testemunhas arroladas por ela.
A medida acompanha uma ordem judicial que prorrogou o prazo da investigação do caso e reabriu o processo de instrução, que havia sido encerrado após ausência da prefeita e suas testemunhas em oportunidades de depoimento.
A prefeita é acusada de danos ao erário por contratação de seguros para veículos sem usado descartados como sucata na garagem municipal. A denúncia é acompanhada por reprodução de imagens dos veículos e dos cartões de contratação do seguro.
A nova data já envolve situação de conflito. A comissão fez três tentativas para entregar pessoalmente a notificação à prefeita e não conseguiu. A intimação foi feita por publicação no Diário Oficial.
Segundo as atas divulgadas, além da oportunidade de falar sobre o caso de forma oficial pela primeira vez, a prefeita será responsável também pela presença de suas testemunhas, nenhuma delas ligadas diretamente à gestão dos contratos.
A lista inclui diversos políticos de Marília, como o ex-prefeito e deputado estadual Vinícius Camarinha e seu pai, o ex-prefeito Abelardo Camarinha.

Fonte: Giro Marília


Nenhum comentário:

Postar um comentário