terça-feira, 19 de novembro de 2019

Preso suspeito de matar jovem baleado em festa de estudantes em Pompeia

A polícia prendeu, na segunda-feira, 18 de novembro,, o suspeito de matar um jovem de 23 anos baleado em uma festa de estudantes em Pompeia.
O crime aconteceu na madrugada do dia 10 de novembro, quando os jovens se envolveram em um desentendimento. Luiz Felipe Madureira Pereira, de 23 anos, foi atingido na região da cabeça e não resistiu aos ferimentos. Ele foi enterrado no dia seguinte ao crime no Cemitério Municipal de Pompeia.
Outros dois jovens também foram baleados na discussão. Paulo Afonso da Silva Serrano, de 19 anos, foi atingido no abdômen e de raspão na cabeça. Ele recebeu atendimento no Hospital das Clínicas de Marília e já recebeu alta.
Já Giuseppe Louis Cavalieri Colussi, de 26 anos, foi atingido na perna. Ele passou por atendimento médico na Santa Casa de Pompeia e também foi liberado.
O suspeito de efetuar os disparos que mataram Luiz Felipe e feriram os outros dois rapazes se apresentou na delegacia na segunda-feira e a polícia cumpriu o mandado de prisão preventiva expedido contra ele. Com isso, Douglas Cândido Jordão, de 29 anos, foi encaminhado para a penitenciária de Marília e segue à disposição da Justiça.
Segundo o delegado responsável pelo caso, Claudio Anunciato Filho, dois homens trabalhavam fazendo a entrega de bebidas na festa e eram suspeitos do crime. No entanto, o envolvimento de um deles foi descartado e apenas Douglas foi preso.
Sobre a motivação do crime, o suspeito relatou que se sentiu ameaçado e alegou ter agido em legítima defesa. Segundo o delegado, os rapazes estavam bêbados e se envolveram em uma "discussão banal".

Fonte: G1


Nenhum comentário:

Postar um comentário