terça-feira, 15 de outubro de 2019

Teatro recebe “Talvez isso não seja totalmente preciso, mas aqui está” nesta quarta

O espetáculo “Talvez isso não seja totalmente preciso, mas aqui está”, do Grupo Protótipo Tópico, será apresentado em Garça nesta quarta-feira, 16 de outubro. A peça é um drama, com duração de 70 minutos, classificação 16 anos, e parte de um crime ocorrido na cidade de Bauru nos anos 70. A entrada é gratuita e os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência no Teatro Municipal de Garça. 
O crime, até hoje sem solução, foi um choque para a cidade de Bauru e toda a região. Uma menina de apenas nove anos de idade foi sequestrada, violentada e assassinada.  Essa brutalidade, ainda fortemente ressoada nos dias atuais, foi o ponto de partida deste processo criativo do grupo Protótipo Tópico, que busca através dos conceitos de lugar e memória, resgatar e atualizar este fato aliado à perspectiva social atual, além de recorrer ao texto clássico de Fiódor Dostoievsky “Memórias do subsolo”.
Por meio de pesquisas de campo, resgate de documentação, relatos e colaboração de outros artistas convidados, o grupo transfigurou para o espaço cênico elementos desta situação, além de por à prova os conceitos de memória e de informação, transformando os artistas para além de representantes dos fatos, arqueólogos da História.
Serviço:
Espetáculo: “Talvez isso não seja totalmente preciso, mas aqui está”
Local: Teatro Municipal de Garça. Avenida Rafael Paes de Barros, 522, Williams.
Horário: 20 horas
Entrada: gratuita

Redação do Garca.Jor


Nenhum comentário:

Postar um comentário