sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Prefeitura de Vera Cruz corta estagiários sem aviso e enfrenta reações

A Prefeitura de Vera Cruz vai cortar a partir de segunda-feira 11 dos 28 estagiários que prestam atendimento em diversas áreas dos serviços.
A medida, que não foi acompanhada por nenhum comunicado público, surpreendeu estudantes e servidores que atuam nas áreas afetadas.
Jurídico, educação, atendimento social seriam alguns dos servidores impactados.
A decisão provocou reações nas redes sociais em diferentes páginas e grupos de informações sobre a cidade. O Giro teve acesso a mensagens em que servidores apontam preocupação com a qualidade do atendimento após os cortes.
Apesar disso os detalhes sobre as demissões só começaram a aparecer no final da tarde, depois que o vereador Ari Bernardo (PSDB) foi ao CIEE (Centro de Integração Empresa Escola), que administra os contratos de estágio.
O vereador descobriu que inicialmente seriam cortados 13 estagiários, número que acabou reduzido, dos 28 que atuavam nos serviços.
A contratação dos estudantes já enfrentava problemas com pagamentos, que nos últimos meses teriam sido feitos com até dez dias de atraso.
“No meu entendimento, faltou por parte da administração pública um planejamento na condição do distrato, pois deixaram por conta do CIEE a tarefa de ligar e informar aos estagiários que os mesmos estarão dispensados a partir do dia 21”, disse o vereador.
Ari Bernardo divulgou a preocupação dos servidores com o trabalho e a falta de informações a respeito.
“Como ficará o atendimento em alguns setores onde os estagiários eram parte da engrenagem do atendimento na saúde e na educação?”

Fonte: Giro Marília


Nenhum comentário:

Postar um comentário