terça-feira, 1 de outubro de 2019

Peça teatral traz para Garça reflexão sobre nazismo

O espetáculo "Guardado em Silêncio" vai ser apresentado no Teatro Municipal de Garça. Na próxima sexta-feira, 04 de outubro, a partir das 20 horas, a pela dirigido por Fabiano Moreira e interpretado pela Cia Alvo estará no palco garcense.
 Tendo como ponto de partida os escritos da Epístola de Romanos, do Novo Testamento, o espetáculo “Guardado em Silêncio” retrata as memórias de um soldado alemão presenciando sem ação sua vizinha e amiga de infância judia sendo levada pelo regime nazista durante a “noite dos cristais quebrados”, que, em 1939, marcou o início do Holocausto. E desde então, o protagonista luta para se livrar de um perverso sentimento de culpa.
No espetáculo, ainda há espaço para músicas autorais. Com um trio de cordas e um elenco formado por outros três componentes, as apresentações tem canções originais de Rebello Alvarenga e direção musical de Luana Chacon, o que contribui para a harmonização de todos os espectros que o enredo pretende atingir.
"Guardado em Silêncio" é um drama que conta com um roteiro tocante e, ao mesmo tempo, importante trazendo para acena um novo olhar sobre o holocausto. Ao trazer para a cena a memória do nazismo, o espetáculo leva o público a conjecturar sobre as atitudes de um homem em decorrência de seus atos, de modo a refletir sobre como a transformação do entendimento pode levar ao verdadeiro arrependimento, contextualiza o diretor Fabiano Moreira
O espetáculo foi concebido a partir de forte imersão histórica da Cia. no livro bíblico e nos primórdios históricos que geraram o holocausto de Adolf Hitler. O texto, assinado por Patrícia Cretti, traz reflexão sobre os desdobramentos do regime nazista e de como a ação de um indivíduo pode alterar o rumo de uma vida.

Serviço — "Guardado em Silêncio", com a Cia Alvo. Dia 04 de outubro, às 20 horas, no Teatro Municipal. A entrada é franca.

Redação do Garca.Jor


Nenhum comentário:

Postar um comentário