segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Briga de mulheres termina em duplo homicídio em Osvaldo Cruz

A Polícia de Osvaldo Cruz apura um caso de duplo homicídio de mulheres na Vila Cavaru na noite de sábado, 19 de outubro, por volta de 21 horas.
Por motivos a serem apurados, a mototaxista Franciele Aparecida Ortega, 29, teria esfaqueado a primeira vítima, Taiane Maísa da Silva Ladeia, de 25 anos de idade.  As vítimas começaram a brigar em uma rua do bairro.
Em seguida, as mulheres entraram na residência de uma delas e, dentro do imóvel, se agrediram com golpes de faca, conforme a polícia. Cada uma delas possuía aproximadamente sete lesões no corpo em decorrência das facadas.
Uma foi socorrida por uma unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros e encaminhada para a Santa Casa de Osvaldo Cruz, enquanto a outra foi levada para o mesmo hospital por populares.
As duas não resistiram aos ferimentos e tiveram as mortes constatadas na unidade de saúde.
A Polícia Militar (PM) trabalhou no atendimento da ocorrência. Segundo a PM, a faca tinha uma lâmina de 15 centímetros.
Este foi o terceiro caso de morte na Vila Cavaru em uma semana. No sábado passado (12) um rapaz, que está ainda foragido,  matou Roberto Ladeia  com dois tiros e alvejou a esposa da vítima, M.A., de 37 anos. O crime aconteceu na Rua Benedito Cassirarghi na Vila Cavaru.
O casal saiu de casa ver o que ocorria, num possível desentendimento do autor do assassinato contra o filho da vítima do homicídio. Foi quando o assassino atirou contra o casal. Roberto e a esposa seriam os pais do desafeto com o qual o autor do homicídio teria se desentendido anteriormente. A motivação do desentendimento ainda será esclarecida.
Taiane Ladeia era sobrinha de Roberto Ladeia.

Fonte: OCNet


Nenhum comentário:

Postar um comentário