sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Homem é perseguido e morto a tiros dentro de carro em Ourinhos

Um homem foi morto com dois tiros na noite desta quinta-feira. 29 de agosto, no bairro Barra Funda, em Ourinhos.
Segundo a Polícia Civil, o homem estava dentro de um carro quando o criminoso, que estava a pé e usando um capacete, se aproximou e disparou contra o motorista.
A vítima ainda conseguiu fugir com o veículo, mas foi perseguida pelo homem que subiu na garupa de uma moto e atirou mais uma vez. Com o segundo tiro, a vítima foi atingida e morreu no local.
Os investigadores não descartam a hipótese do homicídio ter sido acerto de contas, pois o homem morto tinha passagens pela polícia. Suspeito não foi identificado.

Fonte: G1


Mulher em Penápolis recebe bilhete assinado por "Lúcifer"

Uma mulher de 31 anos recebeu um bilhete pra lá de inusitado e misterioso em Penápolis. O documento estava com a "assinatura” de "Lúcifer” e foi entregue residência dela, na Rua José Pirani, no Jardim Paraíso.
De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher contou que estava tomando banho por volta das 19h, quando um mototaxista parou na casa dela e entregou ao filho, de 13 anos o bilhete e uma rosa.
No papel, estava escrito: "o seu quintal é um lugar muito confortável para meu sono. Até breve. Assinado, Lúcifer”.
A vítima disse, ainda segundo o BO, que o filho perguntou ao mototaxista quem o contratou para fazer a entrega, tendo respondido que seria uma mulher.
O boletim foi registrado como ameaça e o caso será apurado pela Polícia Civil.

Fonte: Jornal Interior


Motociclista fica gravemente ferido após colidir com poste em Marília

Um motociclista ficou gravemente ferido após bater contra um poste na manhã desta sexta-feira, 30 de agoto, em Marília.
De acordo com o Samu, o acidente aconteceu na avenida João Martins Coelho, no bairro Santa Antonieta. A vítima foi encaminhada ao Hospital das Clínicas e o estado de saúde é considerado grave.
Não há informações se o fornecimento de energia elétrica foi prejudicado e as causas do acidente ainda serão apuradas.

Fonte: G1


quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Pontos MIS traz hoje exibição do documentário "O Dia que Durou 21 Anos"

Hoje,29 de agosto, a partir das 19h30, o Pontos MIS, traz mais uma sessão de cinema para Garça. Na Sala Multimídia da biblioteca municipal será exibido o documentário “O Dia que Durou 21 anos” e, os presentes poderão acompanhar um pouco da influência do governo dos Estados Unidos no golpe de Estado no Brasil em 1964.
O golpe militar de 1964 no Brasil contou com uma ativa participação do governo dos EUA. Numa trama de ação e suspense, “O Dia que Durou 21 Anos” revela documentos Top Secret da CIA e áudios originais da Casa Branca, mostrando como os presidentes John F. Kennedy e Lyndon Johnson articularam o plano civil e militar para derrubar o presidente João Goulart, eleito pelo voto popular, e apoiar o governo do marechal Humberto Castelo Branco.
Durante 21 anos - de 1964 até 1985 - o governo militar brasileiro impôs um regime autoritário que violou os direitos civis e instalou a ditadura em nome da "Liberdade" e da defesa da "Democracia", com graves consequências para toda a América Latina.
O documentário dirigido por Camilo Tavares mostra ainda que os Estados Unidos estavam decididos a invadir o Brasil para que o golpe tivesse sucesso. O Dia que Durou 21 Anos foi coproduzido pela TV Brasil e apresentado em três partes de 26 minutos em abril de 2011.
O jornalista Flávio Tavares militou contra a ditadura, sendo preso, torturado e mandado para fora do país. O filme foi dirigido por seu filho Camilo Tavares e roteirizado por ambos.
“O dia que durou 21 anos” é um filme brasileiro em estilo de documentário, vencedor de diversos prêmios, nacionais e internacionais. O filme relata, não só a Ditadura Civil-Militar no Brasil, como o envolvimento de grandes figuras americanas, como os presidentes Kennedy e Lyndon Johnson, e o embaixador dos EUA no Brasil, Lincoln Gordon, orquestraram seu plano de tirar do poder o então presidente João Goulart, sob a premissa de que o governo de Goulart estaria levando o país ao comunismo, algo que os EUA não permitiria jamais devido aos seus interesses econômicos no Brasil.
Por meio de documentos secretos da CIA e áudios originais da Casa Branca, além de entrevistas com pessoas direta ou indiretamente envolvidas na política do período, somos apresentados ao pano de fundo de um golpe que acabou se estendendo por 21 anos, que violou os direitos civis e instalou a ditadura em nome da “Liberdade” e da defesa da “Democracia”.
O documentário explora o papel que os Estados Unidos tiveram no golpe de 1964 e no regime militar que se estendeu por 21 anos, até 1985. Investiga o papel de seu principal interlocutor, o embaixador Lincoln Gordon, gerenciando 1,2 mil funcionários e um polpudo orçamento destinado a financiar estudos (por meio do IPES – Instituto de Pesquisas e Estudos Sociais – e do IBAD – Instituto Brasileiro de Ação Democrática) e disseminar propaganda para desestabilizar o governo do presidente João Goulart. A ditadura dos militares também contou com o apoio de grandes grupos privados, representados no Brasil pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, que apoiaram integralmente cada movimento do regime. Da narrativa surgem, além de áudios originais, também documentos confidenciais que comprovam a omissão do governo norte-americano em relação às prisões, torturas, desaparecimentos e mortes praticados em nome da manutenção do regime.

Serviço — A exibição do filme "O Dia que Durou 21 Anos" ocorre hoje, a partir das 19h30, na biblioteca municipal, localizada à avenida Rafael Paes de Barros, 522, em Vila Williams. A entrada é franca.

Redação do Garca.Jor


Queimada atinge área de mata em Avaí e fumaça afeta visibilidade em rodovia

Uma queimada registrada na quarta-feira, 28 de agosto, à noite em Avaí dificultou a visibilidade de quem passava pela Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros.
O fogo foi na mata e o vento levou a fumaça até a pista e atrapalhou os motoristas que seguiam próximo ao trevo de Avaí.
Os bombeiros tiveram trabalho para controlar as chamas. Ainda não se sabe o que causou o incêndio.
Quem passou nesse trecho teve que reduzir a velocidade, mas na manhã desta quinta-feira, o trafego já estava normalizado no local.

Fonte: G1


Mega-Sena acumula e vai pagar R$ 47 milhões no sábado

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.183 da Mega-Sena, que ocorreu nesta quarta-feira, 28 de agosto, em São Paulo. O prêmio para o próximo sorteio, no sábado (31), é estimado em R$ 47 milhões.
As dezenas sorteadas foram: 13 - 26 - 30 - 34 - 43 - 51.
A Quina saiu para 74 apostas e cada um vai levar R$ 42,64 mil. A quadra teve 6.087 ganhadores e cada um receberá R$ 740,57.
As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Fonte: Agência Brasil


Aeroporto de Tupã já está credenciado para receber voos comerciais

O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) confirmou a inclusão de Tupã no programa "São Paulo Pra Todos”. Criada pelo governo estadual, a ação oferece subsídios para que companhias aéreas possam expandir suas operações em cidades do interior.
"O governo está empenhado no incremento, desenvolvimento e modernização do sistema aeroviário do Estado, com ênfase nos principais aeroportos regionais, inclusive Tupã”, assegurou o diretor superintendente do Departamento, Antônio Claret de Oliveira.
Segundo ele, o objetivo é acelerar o trabalho, garantindo que ainda neste ano seja realizado o processo de concessão, através de concorrência pública. O superintendente da estatal elogiou também as instalações do Aeroporto Brigadeiro Faria Lima, que, segundo ele, contempla "toda infraestrutura necessária para atendimento de voos comerciais, hoje operados pelas empresas aéreas Latam, Azul, Gol e Passaredo”.
De acordo com Oliveira, cabe agora às empresas a realização de estudos de demanda nos aeroportos regionais, com o objetivo de participar do chamamento público que vai ser realizado para atribuir as novas linhas aéreas. Ele explicou que com a política de incentivos na área fiscal, a meta é ampliar a malha aeroviária do Estado, incluindo aeroportos de cidades menores, como é o caso de Tupã.
As informações são da Assessoria Parlamentar do vereador Alexandre Scombatti, que integra o trabalho com foco na reativação do Aeroporto Faria Lima e sua utilização por uma empresa aérea.
Para o parlamentar, a região precisa de novas interligações com a capital e centros maiores.
"Estamos agora esperando a manifestação de companhias que queiram operar em nosso município. É importante lembrar que quando iniciamos este trabalho, recebemos apoio de Prefeituras e Câmaras Municipais de várias cidades da região, o que mostra a importância que a Nova Alta Paulista atribui a este projeto”, avaliou Scombatti.
O programa "São Paulo Pra Todos” foi criado com o objetivo de aumentar o número de voos comerciais regulares em solo paulista. A forma de incentivo às novas rotas foi a da desoneração fiscal, uma vez que a despesa das empresas aéreas com combustível chega a até 40% de todo o custo operacional de cada voo.
Com a redução do ICMS cobrado sobre o combustível para aeronaves, o Governo do Estado pediu contrapartidas para aumentar o fluxo de pousos e decolagens dentro do Estado, principalmente em cidades que ainda não eram atendidas por linhas comerciais regulares, como é o caso de Tupã.
Pelo acordo firmado em fevereiro, o setor aéreo se comprometeu a criar 70 novos voos e 490 partidas semanais, aumentando a oferta de destinos em todo o Brasil. Ao todo, as novas frequências englobarão aeroportos de 38 cidades em 21 estados.
"Todo trabalho político já foi realizado, incluindo uma visita ao secretário estadual de Transportes, João Octaviano Machado Neto, que serviu para apresentar as potencialidades de nosso aeroporto e de nosso município. Agora, temos que esperar que o chamamento público seja realizado e que alguma empresa manifeste interesse em operar na nossa cidade. Estamos otimistas com relação a este quadro”, concluiu o vereador Alexandre Scombatti.

Fonte: TupaCity


Açougueiro é preso após ferir ex-namorada com canivete em Marília

O açougueiro Pedro Gomes dos Santos, de 23 anos, foi preso por violência doméstica e lesão corporal na madrugada desta quinta-feira, 29 de agosto, em Marília.
Segundo o Boletim de Ocorrência por volta de 23h de quarta-feira, 28 de agosto, a Polícia Militar foi chamada para atender a um desentendimento entre casal. A vítima, uma auxiliar de escritório de 21 anos estaria aguardando os policiais em um posto de combustíveis localizado na avenida Santo Antônio.
Quando chegaram ao endereço, encontraram a auxiliar de escritório que informou estar no terceiro mês de gestação e que havia tido um relacionamento com Pedro, porém ele não se conformava com o término e passou a procurá-la para tentar reatar.
Nesta quarta, a auxiliar de escritório chegou na faculdade e o açougueiro estava a esperando na porta. Os dois entraram no carro dele e em seguida teriam parado na Praça São Bento onde conversaram.
Após a vítima dizer que não reataria o relacionamento, Pedro se alterou e pegou um canivete com o qual passou a ameaçá-la.
Ele dizia que se a mulher não obedecesse iria cortá-la. Em seguida transitaram por algumas vias e quando passaram pelo posto o açougueiro decidiu parar.
A vítima tentou caminhar até a loja de conveniência e Pedro tentou segurá-la a golpeando com o canivete, causando um ferimento nas costas.
Logo após ele fugiu. Os militares tentaram localizar o homem, mas não conseguiram e encaminharam a vítima até a Central de Polícia Judiciária (CPJ).
Enquanto a ocorrência era registrada, o açougueiro se apresentou no plantão e negou ter ferido a ex-namorada, alegando que ela tinha se cortando quando encostou no veículo.
Diante dos fatos o delegado de plantão decidiu pelo auto de prisão em flagrante e Pedro será apresentado em audiência de custódia. A vítima solicitou também medidas protetivas de urgência.

Fonte: Marília Notícia


Normas da declaração do ITR são publicadas no Diário Oficial

A Receita Federal alterou as normas de apresentação da declaração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR). Segundo o Fisco, a principal alteração refere-se a dispensa de obrigatoriedade de apresentação do Cadastro Ambiental Rural (CAR) em certos casos. A decisão foi publicada por meio de instrução normativa na edição desta quarta-feira (28) no Diário Oficial da União.
Anteriormente, a norma previa a obrigatoriedade de informação do CAR e do Ato Declaratório Ambiental (ADA) emitidos Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para os contribuintes que estivessem pleiteando a exclusão de áreas não tributáveis do cálculo de seu imposto a pagar. As áreas não tributáveis são compostas pelas áreas de preservação ambiental e reserva legal, por exemplo, informou a Receita.
A obrigatoriedade da inclusão do CAR na declaração do ITR decorria da Lei nº 12.651, de 2012, que previa a inscrição obrigatória no CAR para todas as propriedades e posses rurais, a ser requerida pelo proprietário até 31 de dezembro de 2018. Porém, em junho deste ano foi editada a Medida Provisória nº 884, que manteve a obrigatoriedade da inscrição no Cadastro Ambiental Rural, porém retirou a data limite para que o proprietário realize essa inscrição.
Desta maneira, foi necessária a retificação de instrução normativa da Receita (IN RFB nº 1.902), de 17 de julho de 2019, mantendo-se a obrigatoriedade da comprovação de inscrição no CAR para fins da declaração do ITR apenas para as propriedades que já estejam inscritas no cadastro.

Fonte: Agência Brasil


quarta-feira, 28 de agosto de 2019

Terminais rodoviários de Garça e Jafa abrem concorrência para exploração

A Prefeitura Municipal de Garça emitiu edital que dispõe sobre a concorrência pública 014/2019. O objeto é a permissão de uso de vários boxes localizados no Terminal Rodoviário de passageiros de Garça e do distrito de Jafa para exploração de atividades comerciais. As propostas dos interessados podem ser entregues até o dia 01 de outubro, no protocolo do departamento de contratos e licitações da Prefeitura. Informações poder ser obtidas pelo fone 3407 6606 ou pelo e-mail: licitacoes@garca.sp.gov.br.
São quatro opções no terminal de Garça: box 07 com 4 m², box 09 com 61,22 m² 9 (lanchonete), box 14 com 9,24² e box 17 9 m². No terminal do distrito de Jafa há um box sem número com tamanho de 12,60 m².
O box 9 do terminal de Garça e o box do terminal de passageiros de Jafa deverão ser utilizados exclusivamente para exploração do ramo de lanchonete.

Redação do Garca.Jor


Prefeitura de Vera Cruz: inscrições para concurso têm início nesta quinta-feira

A Prefeitura de Vera Cruz abre nesta quarta-feira, 29 de agosto, as inscrições para concurso público que vai contratar 28 trabalhadores em nove áreas de atuação. As inscrições serão feitas até o dia 29 de setembro exclusivamente pela internet no site www.primeconcursospublicos.com.br.
O concurso oferece vagas para Agente de Saneamento, Ajudante Geral, Auxiliar de Saúde Bucal, Escriturário, Médico, Motorista, Professor, Professor PEB I e servente, todos os cargos regidos pelo Regime Jurídico Único.
A organização, a aplicação e a correção das provas do Concurso Público serão de responsabilidade da empresa  Tavares e Silva Concursos Públicos, de Echaporã.
Serão aplicadas provas escritas, com 40 questões objetivas, previstas para o dia 27 de outubro de 2019, às 09 horas e às 14h30. O local das provas ainda será informado no site oficial da Prefeitura - www.veracruz.sp.gov.br – e na página do concurso.
Além  da  salário  acima  descrito,  será  concedido  vale  alimentação  no  valor  de  R$ 350,00. Veja abaixo a relação de cargos, jornadas, salários, taxa de inscrição e requisitos

Agente de Saneamento
40h/s
R$ 1.435,42
01 vaga
Taxa de inscrição - 37,80
Ensino Médio Completo

Ajudante Geral
40h/s
R$ 1.013,03
Vagas - 08
Taxa de inscrição - 25,00
Ensino Fundamental Incompleto –1º  Ciclo  ou Antigo Primário Completo

Auxiliar    de    Saúde Bucal
40h/s
R$ 1.593,86
Vagas - 01
Taxa de inscrição 37,80
Ensino  Médio  Completo e Curso Técnico Completo

Escriturário
40h/s
R$ 1.224,23
Vagas - 03
Taxa de inscrição - 37,80
Ensino Médio Completo

Médico
20h/s
R$ 2.861,21
Vagas - 01
Taxa de inscrição - 57,80
Ensino Superior Completo  e  Registro  no CRM

Motorista
40h/s
R$ 1.277,05
Vagas - 03
Taxa de inscrição - 25,00
Ensino Fundamental Completo  e CNH na Categoria “D”

Professor
20h/s
R$ 1.805,06
Vagas - 07
Taxa de inscrição - 57,80
Ensino Superior com Licenciatura em Pedagogia

Professor PEB I
30h/s
R$ 2.069,12
Vagas - 03
Taxa de inscrição - 57,80
Ensino Superior com Licenciatura em Pedagogia

Servente
40h/s
R$ 1.013,03
Vagas - 01
Taxa de inscrição - 25,00
Ensino Fundamental Incompleto –1º  Ciclo ou Antigo Primário Completo.

Redação do Garca.Jor


Inscrição para Programa Emergencial de Auxílio Desemprego em Garça termina hoje

Termina hoje, 28 de agosto, o prazo para as inscrições no Pead (Programa Emergencial de Auxílio Desemprego). A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo contemplou Garça com uma “Frente de Trabalho” do Programa  e as inscrições tiveram início na segunda-feira, 26 de agosto. A iniciativa proporciona qualificação profissional e renda para cidadãos desempregados e em situação de alta vulnerabilidade social.
Para se cadastrar, o interessado deve estar em situação de desempregado igual ou superior a um ano, desde que não seja beneficiário de seguro-desemprego ou qualquer outro programa assistencial equivalente. Também é preciso ter residência no município há pelo menos dois anos, sendo que apenas um beneficiário por núcleo familiar poderá se cadastrar.
Para a efetivação do cadastro, a pessoa deverá apresentar o RG, CPF/CIC, Carteira de Trabalho e Previdência Social, comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone). O bolsista da Frente de Trabalho permanece no programa por até nove meses, com jornada de atividades de até seis horas diárias, quatro dias por semana. No quinto dia, ele faz um curso de qualificação profissional ou alfabetização.
Eles prestam serviços de interesse local (quatro dias da semana – seis horas por dia) e frequentam o curso de qualificação profissional, um dia por semana. Ao todo, são 150 horas de capacitação. Os interessados pelas vagas de emprego podem se cadastrar pessoalmente no Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Garça, à rua XV de Novembro, 110,Centro.

Redação do Garca.Jor


Trio estrangeiro é preso após arrombar caixa eletrônico em Bauru

A polícia militar de Bauru prendeu, em flagrante, na madrugada desta quarta-feira, 28 de agosto, três homens, todos estrangeiros, que estavam arrombando um caixa eletrônico localizado em um estabelecimento comercial no Jardim Cruzeiro do Sul. Os ladrões arrombaram o caixa, mas não conseguiram ter acesso ao dinheiro.
Dois dos homens presos são chilenos e um é colombiano. Todos têm residência em São Paulo e ficha criminal com histórico de furtos em Jundiaí e na Capital.
Segundo o boletim de ocorrência, com o sinal de arrombamento do caixa disparado, uma equipe da PM foi até o local e, cautelosamente, se aproximou do estabelecimento pelo lado oposto ao que foi arrombado. Foi então que os policiais se depararam com o trio encapuzado fugindo.
Os criminosos, que não estavam armados, foram rendidos. Na abordagem, eles demonstraram não entender português. A PM suspeitou, naquele momento, que eles estavam fingindo não compreender o que os policiais falavam.
O trio foi levado para o Plantão Policial, onde a investigadora de Polícia Civil, Renata Karine, deu suporte no idioma espanhol para o registro da ocorrência.
Ainda segundo o registro, os ladrões arrombaram o caixa utilizando dois cilindros de gás, tipo maçarico, mas não conseguiram ter acesso à quantia armazenada no dispositivo bancário.
A PM apreendeu com eles, em mochilas, além dos cilindros, máscaras, luvas, conjunto de ferramentas, com chaves diversas, isqueiro, tablet e pé de cabra.
Foi apreendido também um GM/Prisma, com placas de Belo Horizonte, mas que foi alugado pelo trio em São Paulo.
O dois chilenos e o colombiano foram encaminhados para presídios da região e aguardam audiência de custódia.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru


Homem pula na frente de caminhão, provoca tombamento e morre prensado

Um caminhão carregado com ração para animais tombou na Rodovia Assis Chateaubriand (SP 425), em Martinópolis, nesta terça-feira, 27 de agosto. O motorista contou que o acidente ocorreu após um homem desconhecido pular no para-brisa do veículo em pleno trânsito.
Segundo a Polícia Militar Rodoviária, o homem caiu no chão e morreu prensado pelo tombamento do veículo.
O condutor relatou que faria uma entrega em Presidente Bernardes e, segundo ele, no quilômetro 424 – no sentido de Presidente Prudente –, percebeu que havia uma picape estacionada no meio da pista.
Para não bater, o motorista reduziu a velocidade e desviou o caminhão em direção ao acostamento. Neste momento, um rapaz, sem camisa, pulou no para-brisa do caminhão e começou a desferir socos no vidro.
O motorista, então, continuou a reduzir a velocidade com medo de o desconhecido cair e acabar embaixo do veículo.
Enquanto isso, o indivíduo seguiu para a lateral do caminhão e começou a tentar abrir a porta da cabine. Contudo, o peso da carga pendeu e o veículo tombou no acostamento.
O caminhão, com placas de Araçatuba, estava carregado com ração para animais. Dentro da picape, com placas de Uberaba (MG), a Polícia Rodoviária localizou galões com veneno e adubo, bem como dois cigarros de maconha.
O mesmo homem, antes de provocar o tombamento do veículo com carga de ração, chegou a atirar uma pedra no para-brisa de outro caminhão, cujo condutor conseguiu escapar da abordagem e seguir viagem.
A polícia confirmou que o corpo do homem que havia se jogado no para-brisa do veículo estava embaixo do caminhão tombado no acostamento da rodovia. O corpo foi retirado do local e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Presidente Prudente.

Fonte: OCNet


Queimada de grande proporções atinge área às margens de rodovia em Garça

Uma queimada de grandes proporções atingiu uma área de mato às margens da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros em Garça.
Segundo a Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros combate as chamas desde terça-feira, 27 de agosto, e equipes estão tentando apagar os focos do incêndio.
Em um vídeo enviado pela Defesa Civil é possível observar uma fumaça muito intensa que está atrapalhando a visibilidade da pista. Não há registro de acidentes ou feridos.

Fonte: G1


terça-feira, 27 de agosto de 2019

Sincomercio Marília realiza assembleia geral para avaliar reivindicações dos comerciários

Como forma de avaliar a pauta da Convenção Coletiva do Trabalho 2019/2020 da classe patronal e dos empregados de Marília, o Sincomercio Marília realizou em 26 de agosto, assembleia geral com os representantes da classe patronal. O encontro foi realizado no auditório do Sincomercio.
Na ocasião, além da pauta de reivindicações dos comerciários, foi discutida a proposta que a classe patronal irá oferecer ao que diz respeito aos aumentos salariais que deve permanecer com base na aplicação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), de setembro, mês da data-base da categoria.
Pedro Pavão, presidente do Sincomercio espera que as negociações entre as classes patronais e dos empregados sejam pautadas no bom senso “Procuramos manter um diálogo amigável para chegarmos a um denominador que seja interessante para todos. Sem atrasos na assinatura de nossa Convenção Coletiva os comerciários, comerciantes e os contabilistas de nossa cidade não serão prejudicados”, diz.
Convém lembrar que, até que seja firmado novo acordo, a CCT - Convenção Coletiva do Trabalho 2018/2019, irá permanecer prorrogada em todos os sentidos e sem nenhuma alteração ao que diz respeito aos aumentos salariais, abertura do comércio aos feriados e Repis, conforme estabelece o parágrafo único da cláusula 50 da CCT que dispõe: “Os efeitos desta norma se estenderão até a celebração de nova Convenção Coletiva de Trabalho”. A entidade também recomenda que as empresas varejistas de sua base territorial que não efetivem reajustes ou alterações em suas folhas de pagamento sem consultá-lo até que seja firmada nova Convenção.
O Sincomercio tem em sua base territorial os municípios de Marília, Álvaro de Carvalho, Alvinlândia, Echaporã, Garça, Guaimbê, Julio Mesquita, Lupércio, Ocauçu, Oriente, Oscar Bressane, Pompeia e Vera Cruz.
Informações sobre a assembleia geral podem ser obtidas pelo telefone: (14) 3402-4444 ou pelo email: sincovam@fecomercio.com.br.

Redação do Garca.Jor


Peça traz ao teatro de Garça um pouco da trajetória de Frédéric Chopin

O governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e ProAC (Programa de Ação Cultural), traz mais um espetáculo ao teatro municipal de Garça. No dia 12 de setembro, o palco da sala "Miguel Mônico" apresentará “Chopin e o tormento ideal”.
Serão duas sessões, às 15 e 20 horas, ambos com entrada franca. Os ingressos podem ser retirados antecipadamente na biblioteca municipal.
A peça tem a participação de dois artistas: José Roberto Forner, indicado ao prêmio Shell, e do pianista erudito Bruno Monteiro, bacharel em piano pela USP - Universidade de São Paulo.
O espetáculo parte de recortes textuais da vida de Chopin e apresenta cartas públicas para e sobre Chopin de George Sand, pseudônimo de Amandine-Aurore-Lucile Dupin, que foi amante de Chopin. Considerada a maior escritora francesa, foi uma das precursoras do feminismo e a primeira mulher a viver de direitos literários.  O espetáculo ilumina, nesse encontro de música e palavras, 20 anos da vida e da obra do compositor, mostrando um pouco da intimidade de sua biografia com a objetividade e a poética do contexto histórico. Texto e música marcam os acontecimentos e apresentam uma personagem dividida entre o cotidiano e o ideal.
Frédéric Chopin foi um importante pianista e compositor polonês que deixou obras primas. Uma das mais conhecidas é a “Valsa nº 9 em La Bemol Maior”, popularmente conhecida como “Valsa do adeus”.

Redação do Garca.Jor


Novo baile de casais do Garça Tênis Clube ocorre no dia 14 de setembro

No próximo dia 14 de setembro, a partir das 21 horas, o Garça Tênis Clube vai realizar mais uma noite das mais animadas, com o baile com toda a estrutura já características desse espaço de lazer da cidade.
Os participantes vão poder passar horas agradáveis com boa música e com a oportunidade de dançar ritmos variados.
Nesta edição, o baile vai ter a animação de uma das melhores bandas da região, o Musical 5 Estrelas, que tem um repertório farto e diversificado.
Na secretaria do Clube, à rua Carlos Gomes, 77, ou pelo telefone 3471 0171, já é possível adquirir convites ou reservar mesas.

Redação do Garca.Jor


Projeto "Viagem Literária" volta a ser realizado na biblioteca de Garça

A biblioteca municipal de Garça vai receber mais uma vez o programa Viagem Literária, neste segundo semestre de 2019.
Esse é um projeto de estímulo à leitura, mantido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e realizado pela SP Leituras (Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura).
O objetivo é promover contação de histórias e encontros com escritores infanto-juvenis e adultos em bibliotecas públicas da região metropolitana, interior e litoral do Estado de São Paulo, em parceria com as prefeituras das cidades participantes, com o intuito de estimular a formação de novos leitores e fortalecer os vínculos entre as bibliotecas públicas e a população local.
A programação de escritores que estarão em Garça neste ano ainda não foi informada.

Redação do Garca.Jor



Municipalização de escola em Padre Nóbrega gera protestos

Familiares de alunos fizeram um protesto na manhã desta terça-feira, 27 de agosto, em frente da escola estadual Maria Izabel Sampaio Vidal, localizado no distrito de Padre Nóbrega, zona Norte de Marília. Os manifestantes são contra a municipalização da unidade de ensino.
“Queremos uma audiência pública. Temos o direito de ser ouvidos”, diz uma das faixas. Muitos estudantes também participaram do ato, que contou com apitos e palavras de ordem.
A dona de casa Claudia Cristina de Oliveira disse ao Marília Notícia que com a mudança não haverá mais espaço para alunos entre o sexto e o nono ano, ou seja, matriculados no segundo ciclo do ensino fundamental e no ensino médio.
“Eu moro na zona rural, todos os meus filhos estudaram aqui. O que tem 30 anos estudou aqui e o que tem 13 anos estuda aqui agora, no oitavo ano. Ele já tem que acordar 5h da manhã para chegar na escola, imagina se tiver que ir para Marília?”, questionou a mulher.
Mais de 300 crianças e adolescentes seriam prejudicados com a mudança. O município só oferece aulas até o quinto ano do ensino fundamental. Na rede pública, a partir daí é o Estado que assume e aquela é a única escola estadual no distrito.
As mães reforçam que não são contra a municipalização em si, mas contra a transferência dos alunos dos últimos anos do ensino fundamental e do médio.
A informação sobre a mudança vinha circulando desde o começo do ano e um abaixo-assinado contrário à ideia chegou a ser elaborado.
A região tem crescido rapidamente nos últimos anos com a inauguração de conjuntos residenciais, como Maracá e Montana.
No começo do mês passado foram publicados no Diário Oficial do município a lei e o decreto que autorizam o poder executivo a abrir um crédito adicional especial no orçamento vigente, no valor de R$ 1,5 milhão, para a construção de Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) no Maracá e Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) no Montana.
A reportagem procurou as assessorias de imprensa da Prefeitura e da Secretaria de Educação do Estado para comentarem sobre a demanda dos moradores de Padre Nóbrega. Também foram solicitados mais detalhes sobre a municipalização, quando ela deve ser concluída e qual será o destino dos alunos que não serão mais atendidos.
“As secretarias Estadual e Municipal estão fazendo todos os estudos de demandas para que aconteça o processo de municipalização visando o melhor atendimento para as crianças. Vale destacar que todos os alunos serão devidamente atendidos”, disse nota enviada pelo município.
Por telefone a assessoria de imprensa do Estado disse ao site que ainda não está confirmada a municipalização. O que existem, no momento, seriam apenas planos e estudos. “Não quer dizer que haverá a mudança”, informaram servidores da pasta.
Por e-mail foi enviada uma nota oficial da pasta. “A Diretoria Regional de Ensino de Marília informa que continua à disposição dos pais e responsáveis pelos alunos da unidade esclarecendo as dúvidas e reiterando também que qualquer proposta, antes de aplicada, será apresentada para a comunidade escolar”.

Fonte: Marília Notícia


Prefeito de Salmourão vai ser investigado por morte de servidor

Os vereadores de Salmourão aprovaram por maioria  nesta segunda-feira, 26 de agosto, a abertura de procedimento de investigação contra o prefeito da cidade, Ailson de Almeida (PV), após uma denúncia apresentada pelo advogado Diego Henrique de Paula Alves de suposta improbidade administrativa.
O advogado acusa o prefeito de eventual responsabilidade e improbidade administrativa no caso da morte do funcionário público, Antonio Batista Duarte, no dia 02 de novembro do ano passado.
Segundo Alves, como responsável pela Prefeitura, Almeida teria sido responsável (em partes) por desvio de função do servidor morto, que era trabalhador braçal mas exercia atividades no cargo de motorista de ambulância. Na oportunidade uma van da Secretaria de Saúde como veículo de transporte de uma banda musical, que teria sido contratada para tocar na Festa do Peão da cidade.
"No dia do acidente o servidor estava fora do seu horário de trabalho. Ele foi convocado para levar uma banda contratada para tocar num show do rodeio de 2018 para tomar banho numa cidade próxima. Durante o percurso houve o acidente onde a van da Prefeitura de Salmourão, conduzida por Antonio Batista Duarte, bateu contra um caminhão de uma Usina de Cana-de-Açúcar da região. Na colisão o servidor faleceu", explicou Diego.
A denúncia foi recebida pela Câmara, o com o vereador João Lemes (PV) tendo pedido vistas do expediente, que acabou sendo apreciado pelos vereadores na noite da segunda-feira.
Votaram a favor da investigação os vereadores Eduardo Oliva "Eduardinho" (PSDB), Sonia Gabau (PTB), Leandro de Paula Fernando (PSDB) e Antonio Villas Martins (MDB).
A comissão de investigação deverá ser formada pelos vereadores Fernando Roçato (PTB), Eduardinho e João Lemes (PV).

Fonte: OCNet


Nova agência do Banco do Brasil em Tupã não tem data para ser ocupada

A construção da nova agência do Banco do Brasil, na Rua Coroados, 307, está concluída já faz tempo. O prédio recebeu a instalação de um elevador e possui emissão do AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros).
Apesar disso, o Banco do Brasil ainda não informou quando a mobília será instalada no prédio nem a data de sua inauguração. O BB não informou até o momento se alguma outra agência será fechada em Tupã, com a inauguração do novo espaço. Por enquanto, o Banco do Brasil permanece com sua agência localizada na Rua Aimorés, 1.320.
Após as definições internas do banco, a previsão é que os atendimentos da Rua Aimorés sejam transferidos para a Rua Coroados e o atual prédio da agência, seja alugado ou vendido. Mas oficialmente não existe nenhuma informação nesse sentido.
O BB reafirma que "estudos para transferência da agência para o novo prédio (Rua Coroados, 307) estão em andamento, respeitados os prazos e condições dos serviços definidos por legislação específica que rege as licitações e compras por empresas do setor público, não havendo previsão para conclusão do processo”. Vale lembrar que as obras da nova agência foram iniciadas no mês de fevereiro de 2015, com grandes investimentos.
Hoje, não se sabe mesmo se haverá mudança da agência da Aimorés para a Coroados.
O projeto criado pelo arquiteto Edivaldo Sanches foi executado por empresa terceirizada, com mil metros quadrados de área construída (500 metros quadrados em cada pavimento).
No pavimento inferior, a estrutura foi construída para receber os caixas eletrônicos e os equipamentos para atendimento pessoal.
No pavimento superior, foi reservado espaço para atendimento vip, sala de máquinas, copa, sala de reunião, de telefonista e almoxarifado.
A nova agência do BB contará ainda com oito banheiros, sendo quatro com acessibilidade para defi-cientes físicos.

Fonte: Assiscity


Marília: TJ condena mães de alunas por causa de bullying

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) condenou as mães de duas alunas acusadas de cometer bullying contra uma ex-estudante de Marília a pagar uma indenização de R$ 8 mil por danos morais e materiais. Ainda cabe recurso ao Superior Tribunal de Justiça.
O caso aconteceu em 2014, quando a maquiadora Célia Consuelo de Oliveira tinha 15 anos e estudava em uma escola da cidade.
Na ação, os desembargadores do TJ acataram a denúncia de que a vítima sofreu ameaças e xingamentos por parte de duas colegas. Os ataques, diz a sentença, foram feitos dentro da escola e por aplicativos de mensagens nas redes sociais.
“Começou com piadinhas, daí começaram a excluir meus amigos, e eu não podia mais nem sair da sala de aula pra lanchar. Nas redes sociais, eu e minha mãe começamos a receber mensagens ameaçadoras”, relata a maquiadora, atualmente com 20 anos.
A sentença cita ainda que, por conta do bullying, a jovem teve “acentuada piora no rendimento escolar”, o que a levou a repetir de ano e também a recorrer a tratamento psicoterápico.
A sentença também manteve a liminar exigindo que as ofensas fossem cessadas, sob pena de multa de R$ 500 por postagem ofensiva.
As mães das alunas foram condenadas ao pagamento da indenização de forma solidária e ainda determinou o custeio das sessões psicoterápicas que a vítima precisou fazer.
Para o relator do caso, desembargador Fábio Quadros, a conduta das alunas que praticaram o bullying foi “grave e desonrosa” e provocou “danos passíveis de indenização”.

Fonte: G1


Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 42 milhões

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira, 28 de agosto, o prêmio acumulado de R$ 42 milhões. As seis dezenas do concurso 2.183 serão sorteadas a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. O sorteio é aberto ao público.
De acordo com a Caixa, caso aplicado na poupança, o valor do prêmio poderia render aproximadamente R$ 156 mil por mês.
As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 3,50.

Fonte: Agência Brasil


segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Senac Marília promove 47 atividades para a quarta edição do Casa Aberta

O Senac São Paulo abre as portas de suas 57 unidades localizadas na capital, Grande São Paulo, no litoral e interior do Estado para a quarta edição do Casa Aberta. No dia 31 de agosto (sábado), das 10 às 16 horas, o público poderá conhecer os ambientes educacionais da instituição por meio de mais de 1.700 atividades que vão desde workshops, palestras, atendimentos até oficinas. A vasta programação é gratuita e para todas as idades.
O objetivo do evento é apresentar o papel da educação como agente transformador da sociedade, formando cidadãos e contribuindo para preparar as pessoas para o mundo do trabalho. Para isso, o público será convidado a se inspirar com histórias de profissionais empreendedores, a vivenciar a prática de diferentes profissões e até a descobrir uma nova habilidade.
O Casa Aberta mostra que qualquer ambiente pode ser uma sala de aula. A infraestrutura das unidades e os conteúdos explorados revelam a essência do Senac São Paulo, que coloca a educação como ferramenta essencial para a transformação da vida das pessoas. Ao mesmo tempo, é um dia para proporcionar o contato do público com diferentes áreas do conhecimento e inspirar o desenvolvimento de habilidades profissionais ligadas ao empreendedorismo, parte do Jeito Senac de Educar.
Neste ano, o Senac Marília reúne uma programação com 47 atividades, com  atendimentos gratuitos de saúde e beleza – Depilação Facial com Linha; Quick Massage; Técnico em Enfermagem a Serviço da Comunidade; e Avaliação Antropométrica e Orientação Alimentar – e várias oficinas nas áreas de gastronomia, como a Comida Vegetariana,  e  beleza e bem-estar, entre elas,  Dicas de Beleza - Cuidados com a Face e o Corpo; Do-in - Conheça a Técnica de Automassagem e Aromatizador de Ambientes.
Entre os destaques, a oficina O Que Você Sabe Sobre Hospitalidade?, ministrada por Mariana Della Giustina Laiter, docente do Senac Marília e especialista em gestão e turismo hoteleiro, que ocorre das 14 às 15 horas. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada.
Outro destaque é a oficina YouTube Maker com Celular, das 11 às 12 horas, que vai ensinar aos participantes sobre como criar e desenvolver conteúdos para publicações e vídeos no YouTube, com o uso do celular. A atividade será coordenada por Luis Antonio Cristofaro Oliveira, videomaker e fotógrafo. Para participar, é necessário se inscrever.
A programação do Casa Aberta também está recheada com dicas para quem busca oportunidades no mundo do trabalho. Com o objetivo de levar orientação profissional aos participantes, Juliane Lourenço do Carmo, especialista em RH e docente do Senac Marília, mediará a roda de conversa Entrevista de Emprego: Como Conquistar a tão Sonhada Vaga?, das 10 às 11 horas. A atividade tem o propósito de desenvolver o autoconhecimento, além de dar dicas de como se portar em uma entrevista de emprego. Não é necessário realizar inscrição, as vagas serão preenchidas por ordem de chegada.
Durante o Casa Aberta, o Senac Marília promove ainda atividades recreativas para as crianças, com a área kids, das 10 às 16 horas, e uma palestra para os amantes da jardinagem Sol Pleno, Meia-Sombra ou Sombra? Do que Minha Planta Precisa?, das 15 às 16 horas, que além de apresentar técnicas de plantio, dará orientações sobre a quantidade de luz adequada para cada tipo de planta.
Para se inscrever e conferir a programação completa, acesse o Portal Senac (www.sp.senac.br/casaaberta) e escolha o horário e a unidade de sua preferência.
Serviço:
Casa Aberta – Senac Marília
Data: 31 de agosto – sábado – das 10 às 16 horas
Local: Rua Paraíba, 125 – Centro – Marília/SP
Programação e inscrições: www.sp.senac.br/casaaberta
O evento é gratuito e as vagas são limitadas.

Redação do Garca.Jor


Massoterapeuta garcense é condenado a mais de 11 anos de prisão por crimes sexuais

O massoterapeuta, José Luiz de Oliveira, conhecido com "Zé Luiz", de 61 anos, preso desde 25 de junho de 2018, na rua Alagoas, no Jardim Frei Aurélio, recebeu condenação pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Ele foi apenado em 11 anos e oito anos de prisão, inicialmente em regime fechado.  O profissional era amplamente conhecido em Garça, com passagens inclusive pelas equipes profissionais de futebol e pelo time de futsal que existiu por alguns anos em Garça.
A prisão ocorreu depois da investigação da Polícia Civil quanto a denúncias de crimes sexuais. A condenação, ao final do processo, se deu por favorecimento à prostituição ou outra forma de exploração sexual de vulnerável.
Segundo apurado, uma senhora teria procurado a Delegacia da Defesa da Mulher indicando que seu filho estaria sendo assediado por "Zé Luiz". Como prova, ela apresentou conversas entre o acusado e o filho, então com 13 anos de idade, em um aplicativo de celular. As conversas eram invariavelmente baseadas em conteúdos sexuais.
Ao ser preso, "Zé Luiz" confessou que realmente mantinha a comunicação via celular com o garoto e confessou que também estaria tendo contatos sexuais com outros três garotos, participantes de uma escolinha de futebol existente na cidade de Garça. Ele aliciava os garotos com presentes ou com dinheiro.

Redação do Garca.Jor



A sociedade está sendo docilizada e Estado policial avança

Rochester Oliveira Araújo

São tempos difíceis para os sonhadores. E tão difíceis quanto para os realistas. É preciso encarar o risco de uma retomada, após um breve suspiro democrático, de um estado policialesco que parece avançar com uma versão atualizada da sociedade. Talvez parte desse avanço se deva justamente à preparação – docilização – da sociedade para esse estado antidemocrático.
Quando criança, uma das brincadeiras que eu mais achava interessante era a de “Polícia e Ladrão”. Achava interessante: gostar ou não gostar da brincadeira dependia do dia, se eu ganhasse ou não. E geralmente, pela minha lentidão, eu perdia. Mas o que achava interessante era a dinâmica: o fato de que, ao se escolher quem era a Polícia – que ia perseguir os demais e, ao alcança-los, levar pra prisão – todos os outros seriam posicionados como Ladrão.
O espaço para brincar era delimitado e ninguém podia correr além das fronteiras que eram traçadas. A brincadeira começava. A polícia pegava o primeiro (que muitas vezes era eu, me lembro) e levava até a delegacia que era um ponto qualquer. Quando alguém era preso, tinha que ficar imóvel. Se tornava mero expectador da brincadeira. E ser mero expectador é o tédio infantil nessas brincadeiras. Logo, então, quem estava ali parado começava a ajudar a polícia e entregar os esconderijos ou onde cada um estava. Era uma forma de fazer acabar logo aquela rodada da brincadeira para recomeçar ou passar para outra. Fora que, em determinado ponto, era tão difícil fugir que quem ainda não havia sido preso, no lugar de correr, preferia se entregar ou simplesmente empurrar o outro para cima da polícia para se livrar. Ganhava-se tempo. A brincadeira acabava quando todos haviam sido presos. Todos no tédio.
O que era interessante, ou o que hoje percebo com interessante, é que os ladrões – todo o resto – colaboravam com aquele que era a Polícia para não ser o próximo a ser preso ou para acabar logo aquela jogada. E que o final da brincadeira era o instante em que todos estavam presos. Qual era a graça agora? Nenhuma. Era o momento de ir brincar de outra coisa. E assim foi. Cresci e a brincadeira acabou. As lições, nem tanto.
O Estado Policial não é um estado democrático. E quando falamos de Estado Policial não estamos falando apenas da existência de uma hipertrofia de uma instituição policial. Além disso, temos todo o funcionamento policialesco das demais instituições e poderes estatais, seja diretamente com atos autoritários, seja indiretamente legitimando – até mesmo e sobretudo pela omissão – esses atos. Mas existe polícia fora do Estado? Parece ser essa a tecnologia aperfeiçoada que estamos experimentando, o que é assustador já que soma-se à forma tradicional do Estado Policialesco que vem se enrijecendo.
A hipertrofia da instituição policial passa por várias técnicas que já abordamos anteriormente quando falamos do “vazio por dentro da farda e a politização da sociedade”.
Além disso, a Polícia só é uma instituição aceitável na democracia se houver um sistema de justiça que possa lhe regular e reter o poder. Incluindo, no sistema, a função do Ministério Público como fiscal externo da atividade policial (apesar do baixíssimo exercício dessa atribuição constitucional pelo órgão); a Defensoria Pública como promotora de Direitos Humanos; a Ordem dos Advogados do Brasil; a sociedade civil e etc. A despeito do funcionamento adequado ou não dos mecanismos de regulação para que a instituição policial funcione num modo democrático – o que, pelo crescente número de mortes durante a sua atuação se evidencia não estarem funcionando – há um corpo de instituições destinados a esse fim.
O processo de legitimação desses atos vai desde a construção de jurisprudências que respaldem de forma absoluta a declaração do Policial Militar acerca do flagrante como suficiente para a classificação de alguém como traficante, passa pela manutenção dos autos de resistência como forma de proteção às práticas ilícitas de violência policial, e desemborcam na baixa responsabilização (civil e criminal) de atos arbitrários pelo sistema de justiça, mesmo diante de chacinas e mortes.
Contudo, como dito, mesmo na formatação clássica do Estado de Polícia, não é só a Polícia e as instituições correlatas ao sistema de justiça que reforçam seu caráter arbitrário. Policializa-se outras atividades estatais, o que se caracteriza com a atuação das instituições de modo autoritário, sem respeito aos direitos dos indivíduos e, quando não, truculentos e violentos. Essa índole, por exemplo, é perceptível desde os órgãos de fiscalização mais simples até os mecanismos de repressão paralelos, como a internação compulsória feita para pessoas que fazem o uso problemático de álcool e outras drogas. Uma releitura de Hanna Arendt permite evidenciar muito bem esses fenômenos.
A questão que aparece como inovada – embora não seja novidade – é a policização de quem está fora do Estado, ou pelo menos não deve tanta obediência às burocracias que pulverizam a prática autoritária. Somos nós, também, policiais? Ou melhor, somos nós, cidadãos, também capazes de colaborar com um Estado Policialesco?
Não estamos diante de uma novidade, como dito. Deleuze, em diálogo com Foucault, já afirmava que “vários tipos de categorias profissionais vão ser convidados a exercer funções policiais cada vez mais precisas: professores, psiquiatras, educadores de todos os tipos etc. É algo que você anunciava há muito tempo e que se pensava que não poderia acontecer: o reforço de todas as estruturas de reclusão.”
Quando nos deparamos com a sepse da sociedade pela sanha punitivista, atos de policialização da sociedade ficam cada vez mais evidente. Qual a outra identidade, que não a policial, que um aluno que aceita a missão de fiscalizar e filmar o professor em sala de aula está projetando para si? Ou quando um pai de um aluno encabeça essa vigilância permanente contra os professores, censura ou agressão, é a falsa liberdade de agir como executor da lei que lhe encoraja.
Esse efeito, quando recai sobre os jovens, parece ser ainda mais facilmente identificável. Se a juventude tem, por sua natureza, uma alma de transgressão e revolta, alguns preferem fomentar que essa transgressão seja menos crítica e irruptiva. Daí só sobra a arbitrariedade da revolta.
Talvez faça parte disso a fantasia que nutrimos por super-heróis, sobretudo aqueles que não possuam grandes poderes, que são meros mortais dotados de uma suposta moral superior, estando acima e abaixo da lei para promover o que eles julgam a justiça, tal qual o Batman. Fantasia essa compartilhada por jovens e adultos. Contudo, para um adolescente que a fantasia tem um processo criativo, imaginativo e lúdico, essas questões podem ser muito bem trabalhadas. Já para um adulto, sobretudo quando ele é Juiz e, após largar o uniforme, revela-se político, fomentar essa fantasia e torna-la realidade é muito mais perigoso à democracia.
Voltando para a sociedade, a vigilância constante de uns para com os outros e a naturalização dessas práticas de vigilância permite que nós, voluntariamente e conscientemente, passemos a agir como colaboradores do Estado Policialesco. A propagação de mecanismos de vigilância contínuo, reconhecimento facial em espaços públicos e privados, compartilhamento de dados particulares que produzimos de nossos smartphones e computadores, nada parece afetar a nossa noção de perda da cidadania e crescimento do controle. Quando vemos essas práticas de vigilância se intensificarem, com a nossa anuência e colaboração, geralmente pensamos nas possibilidades de sua aplicação em nome de uma pseudo segurança pública. E quando pensamos por essa ótica, é porque nos colocamos como fiscais, como observadores, como autoridades diante de algum evento, e não como deveríamos nos colocar que é no papel de observado, de vigiado e de perseguido tecnologicamente.
Para além de vigiar, o Estado de Polícia é caracterizado pela execução arbitrária de seus comandos e punições. Crescem e se frutificam as formas que temos adotado para, fora do Estado, praticar nossas próprias execuções e punições. Restringindo-se ao recorte do novo e da sociedade digital, o tribunal da internet se mostra extremamente arbitrário e autoritário na execução pública de seus jurisdicionados. As formas de punição dele remetem aos suplícios públicos e rituais de humilhação.
Como ressaltado por Deleuze, as mais variadas atuações profissionais são cooptadas para agir de forma policialesca. Na área da saúde, por exemplo, a situação de vulnerabilidade de alguém com a saúde em risco permite o afloramento de comportamentos opressivos, como se pode observar nas práticas de violência obstétrica ou no tratamento das pessoas com transtornos mentais. Até mesmo no trânsito temos condutas autocráticas dos condutores, o que tem provocado o aumento da violência no trânsito e os conflitos.
A lógica por trás da policização da nossa sociedade é, entre tantas, a de implementar ainda mais a função do sistema penal como fomentador de conflitos intra-classes. Foucault já alertava que  “a separação que o sistema penal opera e mantém entre o proletariado e a plebe não proletarizada, todo o jogo das pressões que ele exerce sobre esta, permite à burguesia servir-se de alguns desses elementos plebeus contra o proletariado; ela os usa como soldados, policiais, traficantes, pistoleiros e utiliza-os na vigilância e na repressão do proletariado.”
É, portanto, acirrando – e não pacificando – os conflitos entre os próprios cidadãos que se mantém um sistema penal que serve à manutenção das desigualdades. O Estado policialesco contemporâneo promove, em cada um de nós, um falso poder de polícia para com o outro. Embutidos dessa capacidade, nos sentimos mais próximos de deter o poder, ou, pelo menos, mais longe de sermos os próximos a serem excluídos da sociedade ou sofrer seus julgamentos. O que não percebemos é que se a identidade de “ser polícia” é algo aberto e possível de ser revestido em cada um de nós, é porque o mesmo ocorre com a possibilidade de ser “bandido”.
O Estado Policial existe para tratar com arbitrariedade e autoritarismo as pessoas que estão sob sua jurisdição, sob a justificativa de estar lidando com “bandidos”, “ladrões”, “fora da lei”. Ou seja, em um jogo infantil de “Polícia e Ladrão”, se o Estado é a Polícia, todo o resto é o ladrão que estará sobre sua mira. Mas diferentemente do que acontece na correria da infância, num Estado policialesco, nós, enquanto cidadãos, nunca iremos de fato deixar de ser o alvo, a mira do Estado de Polícia. Ele conta com a nossa “ajuda”, mas sempre estaremos sob seu poder de dominação. Agir com arbitrariedade e autoritarismo em colaboração a esse Estado Policial não é participar do poder, mas sim fomentar que esse mesmo poder possa ser aplicado contra si. É, no máximo, empurrar o próximo para que ele seja alvo primeiro que você.

Rochester Oliveira Araújo é mestre em Direito Constitucional e Defensor Público do Estado do Espírito Santo.


Confira os resultados dos campeonatos de suíço e master garcense

Confira na sequência os resultados das rodadas do final de semana dos campeonatos de master e suíço, a classificação e também os próximos jogos do amadorismo garcense.

Campeonato do futebol suíço master - 7ª rodada do 2º turno - Sábado, 24 de agosto 

Aliança 1 x Cavalcante 0
Óptica Visão 3 x Excellent Global 1
Óptica Exata 2 x Salec 0
Corinthians de Garça 1 x CAF 0
Palmeiras de Garça 2 x Internacional 11
Descansou: Dinos


Campeonato de futebol suíço - 6ª rodada do 2º turno -Domingo 25 de agosto

Kosminho 3 x Paulista 0
Vimec 2 x Salgueiro 1
Flamengo 2 x São Lucas 2
Os Pior 1 x Dinos 0
Juventude 1 x Empório Rebelo 1
Lanchonete São Lucas 0 x Levi's 9
VKT 0 x Art Elétrica 6

---

Campeonato de futebol suíço master - classificação

01 Aliança 46 pts
02 Salec 40 pts
03 Óptica Exata 37 pts
04 Internacional 33 pts
05 Excellent Global 24 pts
06 Cavalcante 20 pts
07 Dinos 19 pts
08 Óptica Visão 17 pts
09 CAF 09 pts
10 Corinthians de Garça 08 pts
11 Palmeiras de Garça 04 pt


Campeonato de futebol suíço - classificação

01 Os Pior 50 pts
03Vimec e Levi's 40 pts
04 São Lucas e Art Elétrica 39 pts
06 Flamengo 32 pts
07 Kosminho 28 pts
08 Dinos 27 pts
09 Lanchonete São Lucas 19 pts
10 Empório Rebelo 18 pts
11 Juventude 16 pts
12 Paulista 13 pts
13 Salgueiro 10 pts
14 VKT 08 pts

---

Próxima rodada

Campeonato do futebol suíço master - 8ª rodada do 2º turno - Sábado, 31 de agosto 

Heitor Gonçalves
Corinthians de Garça x Internacional

Martin Carvalho
Aliança x Óptica Exata

Marcos Antônio da Silva
Cavalcante x CAF

Naudert da Silva Braga
Palmeiras de Garça x Dinos

João Luiz Zancopé
Salec x Excellent Global
Descansa: Óptica Visão

Campeonato de futebol suíço - 7ª rodada do 2º turno - Domingo, 01 de setembro

Heitor Gonçalves
08h00 - Os Pior x Salgueiro
10h00 - Dinos x São Lucas

Martin Carvalho
08h00 - Vimec x Levi's
10h00 - Flamengo x Empório Rebelo

Marcos Antônio da Silva
08h00 - Lanchonete São Lucas x Art Elétrica
10h00 - VKT x Kosminho

Naudert da Silva Braga
08h00 - Paulista x Juventude

Redação do Garca.Jor


Subsecção da OAB de Garça recebe explanação sobre prerrogativas profissionais

No último dia 20 de agosto, Leandro Sarcedo, presidente estadual da comissão de prerrogativas do advogado da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil/São Paulo), esteve presente em Garça. Na oportunidade, ele apresentou uma palestra para um bom público, num evento que contou com a organização da subsecção da Ordem de Garça.
Ao longo da sua explanação, o palestrante fez uma ampla abordagem sobre a questão das prerrogativas para o profissional de Direito e também apresentou sua análise em relação à lei de abuso de autoridade, que já foi aprovada pelo Legislativo brasileiro e encontra-se na pauta para ser sancionada pelo Executivo.
O presidente da subsecção de Garça da Ordem, Fábio Ricardo Rodrigues dos Santos, apontou que a palestra foi das mais produtivas, já que foi conduzida por um profissional com substancial experiência no Direito e que tem um conhecimento amplo em relação à questão das prerrogativas.
"As pessoas confundem bastante prerrogativa com privilégio. Prerrogativa é a forma que a legislação encontrou para dar ao advogado a garantia de sua atuação de forma liberta, sem haver problemas na relação com delegado, juiz, promotor. Sempre dizemos que a prerrogativa é uma proteção do cidadão, já que o advogado é aquele que leva as pretensões do cidadão ao poder judiciário. Quando há uma violação da prerrogativa do advogado, isso significa que o cidadão está sendo violado. Por isso, a importância das prerrogativas, com uma atuação liberta, sem medo do que vai acontecer. Precisamos, sim, ser blindados, das autoridades estatais em relação à nossa atuação", indicou Santos.
O presidente da subsecção local apontou que na área de abrangência dessa representação da Ordem já foram verificados casos de abusos contra advogados, sendo que, na administração do ex-presidente Carlos Eduardo Boiça Marcondes de Moura e na atual, qualquer violação dos direitos dos profissionais da advocacia é combatida de forma direta.
"Posso dizer, com segurança, que as prerrogativas são violadas todos os dias. Existe a tendência de abusar do poder. Logicamente, encontramos pessoas boas. Inclusive aqui na comarca de Garça temos tranquilidade quanto às violações. Mas posso dizer que as prerrogativas do advogado são violadas todos os dias no cenário brasileiro", apontou Santos.
O dirigente da OAB garcense lembrou que o advogado no exercício profissional tem a inviolabilidade, inclusive no que se refere à palavra. Ele pode contestar, ser eloquente. "Tenho um posicionamento enérgico, nem como presidente, mas como Fábio advogado. Não aceito esse tipo de atuação, não é meu perfil. Respeito à autoridade do advogado é indispensável na administração da Justiça, conforme o artigo 133 da Constituição", sustentou.
O presidente da OAB garcense destacou que a palestra realizada foi das mais proveitosas, já que envolveu um profissional que tem laços com a cidade e que é um profundo conhecedor dos aspectos levantados.  "Leandro Sarcedo tem uma história  na defesa das prerrogativas. Ele abordou todas questões. É uma amigo querido, advogado de grande  história, que se deslocou de São Paulo até aqui para poder nos prestigiar", complementou Santos.

Fonte: Jornal Debate


Reunião na terça-feira vai discutir revitalização da área central de Garça

Amanhã, 27 de agosto, a partir das 19 horas, no auditório da CRE (Centro de Referência em Educação), sede da Secretaria Municipal de Educação, localizada à rua Padre Leite, 411, será desenvolvida uma reunião com o objetivo de discutir a revitalização do centro comercial garcense. Todos os comerciantes e interessados na revitalização do centro comercial estão convidados a participar do encontro que ocorre pela segunda vez.
Conforme divulgado pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Bruno Henrique Severino, essa reunião terá a apresentação das três primeiras ações que integram o projeto: o monitoramento com imagens do centro comercial, a padronização das calçadas e a modernização da sinalização de trânsito.
"Apresentaremos o projeto mostrando qual será a participação do poder público municipal e alguns números e valores para que todos os comerciantes, proprietários dos imóveis e interessados passem a ter conhecimento do real valor deste projeto que trará muito desenvolvimento para nosso comércio local", indicou o secretário.

Redação do Garca.Jor


Casal é preso com drogas em carro após provocar sequência de acidentes em Marília

Um casal foi preso na noite de sábado, 24 de agosto, após causar diversos acidentes e ser flagrado com drogas na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294), em Lácio, distrito de Marília.
De acordo com a Polícia Militar, por volta das 19 horas, houve uma perseguição que começou na BR 153 até o motorista do veículo entrar na contramão da rodovia SP 294. Nesse trajeto, o motorista bateu em vários veículos, entre eles a viatura da PM.
Quando chegou ao trevo de Vera Cruz/Lácio, o homem desceu, foi alcançado e detido. Dentro do carro, os policiais encontraram 400 gramas de cocaína, um quilo de maconha, 142 gramas de crack e R$ 635.
Ainda de acordo com a PM, um policial sofreu um corte no supercílio, mas sem gravidade. O casal foi encaminhado à Central de Polícia Judiciária de Marília, onde a ocorrência foi apresentada.

Fonte: G1


Após um ano da morte de Ana Carolina Montolezzi, pai clama por justiça em Assis

No domingo, 25 de agosto, completou um ano da morte da jovem Ana Carolina da Silva Montolezzi, de 17 anos. A vítima foi morta após levar um tiro do padrasto na cabeça em uma casa no Jardim Morumbi, em Assis.
O pai de Ana Carolina, Márcio Montolezzi, tenta seguir a vida, apesar da dor pela ausência da filha. Ele afirma que após um ano do crime, ainda aguarda o desfecho do caso.
"Como pai, a falta dela ainda traz muito sofrimento. Não consigo dormir direito, me alimentar bem, principalmente porque ainda aguardo que a justiça seja feita. Há cerca de 15 dias fui conversar com o promotor do caso, que disse ter pedido mais algumas informações à Polícia Civil, já que o inquérito não foi fechado. Não quero que a morte da minha filha fique no esquecimento, porque o culpado tem que pagar pelo que fez”, afirma.
Na época do crime, o padrasto de Ana Carolina passou por audiência de custódia e conseguiu a liberdade provisória, para aguardar o julgamento em liberdade.
"Não sei dizer onde ele está morando, mas sei que está em liberdade. Deixo o apelo para que, caso alguém tenha alguma informação que possa ajudar no inquérito policial e no julgamento da justiça, que possa procurar a polícia e contar o que houve. Mesmo diante de tanto sofrimento, vou continuar lutando para que a memória da Carol seja mantida e que os culpados sejam punidos”, finaliza.

Fonte: TupãCity


Curso sobre uso correto de agrotóxicos vai ser realizado em Alvinlândia

Alvinlândia está com inscrições abertas para treinamento que irá orientar sobre o uso correto de agrotóxicos e defensivos em lavouras e hortas. O treinamento enfatizará a Norma Regulamentadora 31.8, que trata de defensivos e produtos afins.
É voltado para pessoas ligadas ao meio rural (produtores, filhos de produtores, trabalhadores rurais, profissionais do setor, prestadores de serviços e interessados em geral). A única exigência é possuir idade acima de 18 anos. São 15 vagas, todas gratuitas.
O curso será realizado em Alvinlândia nos dias 19, 20 e 21 de setembro, no período das 08h30 às 16 horas. As inscrições devem ser feitas na sede da Prefeitura Municipal de Alvinlândia, localizada à praça Daniel Guarido, 294.
A Prefeitura de Alvinlândia informa também que, no dia 18 de setembro, véspera do início do curso, a Associação Regional de Recebimento e Prensagem de Embalagens Vazias estará, das 08h30 às 16 horas, recolhendo embalagens vazias de agrotóxicos.
Antes da entrega, os vasilhames precisam ter passado pela tríplice lavagem. Informações [curso e entrega de embalagens] através do telefone (14) 3473 8700, com a engenheira agrônoma Alexsandra.

Fonte: Visão Notícias


INSS começa a pagar hoje a primeira parcela do 13º dos aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a pagar nesta segunda-feira, 26 de agosto, a primeira parcela do 13º salários dos aposentados e pensionistas. A data de pagamento varia de acordo com o número final do benefício. O dinheiro será depositado junto com a folha mensal de agosto.
A antecipação vai beneficiar aqueles que, durante o ano, tenham recebido auxílio-doença, auxílio-acidente, aposentadoria, auxílio-reclusão ou pensão por morte e demais benefícios administrados pelo INSS que também façam jus ao abono anual. A parcela dos 50% restantes será paga no fim do ano.
“É o cronograma normal de pagamento. Você recebe sua aposentadoria, ou sua pensão, acrescido dos 50% [do décimo terceiro]", disse o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, ao anunciar a medida no último dia 5 de agosto, em entrevista à imprensa.
Segundo Marinho, o presidente Jair Bolsonaro, ao assinar a Medida Provisória (MP) 891/2019, transformou a antecipação dos pagamentos em regra. Anteriormente, a gratificação em agosto era determinada com assinatura de decreto presidencial a cada ano.
“Com a medida, a partir de agora, haverá previsibilidade para que, no futuro, os aposentados e pensionistas do INSS possam se programar, uma vez que terão uma garantia real de que receberão esse adiantamento no mês de agosto. Não dependerão mais do poder discricionário do presidente da República na ocasião”, disse o secretário.
A antecipação representará uma injeção de R$ 21,9 bilhões na economia neste terceiro trimestre. Terão direito à primeira parcela do abono anual cerca de 30 milhões de benefícios. Não haverá desconto de Imposto de Renda nessa primeira parcela, que será cobrado apenas em novembro e dezembro, quando for depositada a segunda parte do abono.

Fonte: Agência Brasil


sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Advogado de Garça provoca investigação sobre juíza da Lava Jato em SP

Uma representação protocolada pelo advogado José Augusto Marcondes de Moura Júnior, de Garça, provocou a abertura de uma investigação da Corregedoria Nacional de Justiça sobre a atuação da juíza Maria Izabel de Prado, que atua em casos da Lava Jato em São Paulo.
O advogado, que atende casos da operação e outras situações de repercussão nacional, protocolou denúncia com informações de quatro processos em que acusa ‘erros grosseiros’ da juíza.
São processos sem relação com a operação judicial mais famosa do país, mas que podem provocar até afastamento da juíza de casos na vara federal onde atua, incluindo a operação. O corregedor Nacional, Humberto Martins, determinou apuração dos casos em 60 dias.
O advogado afirmou que por situações como estas é defensor da lei contra abuso de autoridades em processos e diz que não teme represálias ou retaliações pela medida.
“Não tenho medo nenhum. Qualquer juiz com J maiúsculo, juiz de verdade, vai entender meus argumentos e a gravidade dos casos”, afirmou.
José Marcondes de Moura tem 51 anos, é formado pela PUC de São Paulo e diz ter muitos colegas de turma que se tornaram juízes federais mas acredita que a discussão das sentenças pode influenciar até revisão no modelo de concursos e aprovação de novos magistrados.
Atuou em processos de repercussão nacional, como casos que envolvem o investidor Naji Nahas e o doleiro Najum Turner. Atua também na defesa do delegado federal Mario Renato Fanton, que denunciou falhas na Operação Lava Jato.
“Logo vai ter novidades no caso do Fanton, que está sofrendo perseguição. Sofre pressão da Procuradoria no Paraná”, afirmou o advogado de Garça.
A representação envolve quatro processos. Um trata da condenação de um acusado de tráfico que segundo a condenação teria engolida 1’7 quilos de cocaína para esconder a droga.
“É impossível. Eu trabalho com boi, nem boi conseguiria comer 17 quilos assim”, diz o advogado.
Em outro caso, a sentença inclui no processo um réu acusado em outro caso. A condenação já teria sido anulada.
O advogado aponta ainda casos em que a juíza apresentou sentença de 3.445 páginas em que teria incluído 2.000 páginas copiadas de um inquérito. A quarta denúncia envolve processo que ficou parado por três anos.

Fonte: Giro Marília


Daesp autoriza e Passaredo pode operar em Marília

O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) confirmou nesta sexta-feira, 23 de agosto, que a Passaredo Linhas Aéreas está autorizada a voltar a operar no aeroporto estadual de Marília Frank Miloye Milenkovich.
Atualmente a Azul Linhas Aéreas é a única companhia de aviação comercial em Marília e assumiu o balcão de atendimentos e check in após a saída da Passaredo do município, em fevereiro de 2011.
O órgão da Secretaria de Transportes e Logística do Estado de São Paulo confirmou a informação após questionamento feito pelo Marília Notícia.
De acordo com o Daesp, detalhes sobre linhas e horários devem ser fornecidos pela própria Passaredo, que tem sua base em Ribeirão Preto.
Nesta sexta-feira a companhia, no entanto, se limitou a informar que possui sim o interesse em Marília e que está em fase de definição de uma nova malha aérea. Não foram dados detalhes sobre o possível início das atividades.
O interesse já havia sido noticiado pelo site em julho deste ano. Esta semana a empresa aérea teria confirmado o início das operações em outra cidade paulista, Araçatuba (distante 158 quilômetros).
Com a recente redistribuição dos slots da Avianca Brasil no aeroporto de Congonhas, a Passaredo recebeu 14 autorizações. A MAP, que atua no Amazonas e no Pará, recebeu 12, e acaba de ser comprada pela empresa de Ribeirão Preto.
A Passaredo prevê iniciar os voos em Congonhas em 26 de outubro. Os destinos iniciais da companhia regional serão o interior de São Paulo, além de Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso do Sul.
Entre os novos destinos previstos, de acordo com o jornal O Estado de São Paulo, em reportagem desta semana, estão Araçatuba, Bauru e Marília, no Estado de São Paulo, Uberaba (MG), Ipatinga (MG), Dourados (MS) e Ponta Grossa (PR).
“A operação de São Paulo (Congonhas) pode oferecer serviço para o passageiro ir e voltar no mesmo dia para a capital paulista, o que não ocorre atualmente para esse aeroporto a partir de cidades do interior paulista, por exemplo”, afirmou o presidente da Passaredo, presidente, José Luiz Felício Filho, ao Estadão.
Hoje a Passaredo opera rotas nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste, com 28 destinos.
Antes da autorização para voar em Congonhas, a Passaredo estimava investir US$ 4,5 milhões, cerca de R$ 18 milhões, para ampliar as operações para a capital paulista.
A Passaredo anunciou também uma nova identidade visual, a Voepass. Já a MAP Linhas Aéreas, segue, por enquanto, com mesmo nome e operações independentes na região Norte.

Fonte: Marília Notícias


Justiça obriga hospital a ter obstetras para atender gestantes em Pirajuí

A Justiça concedeu uma liminar que obriga a Santa Casa de Pirajuí a oferecer atendimentos de urgência a gestantes com a presença de médicos obstetras em tempo integral. A decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) foi publicada no último dia 9 de agosto.
A decisão atende a um pedido do Ministério Público, que estendeu a exigência de tomada de providências a outros seis municípios da região que possuem convênios com o hospital de Pirajuí: Presidente Alves, Reginópolis, Balbinos, Avaí, Pongaí e Uru.
Segundo os promotores, a decisão de pedir a liminar surgiu diante do “quadro alarmante e estarrecedor na saúde de gestantes, recém-nascidos e nascituros” provocado pela falta de profissionais em tempo integral na unidade.
De acordo com o MP, inquérito civil apurou que atendimentos às grávidas são realizados por médicos plantonistas do Pronto-Socorro da Santa Casa de Pirajuí, sem a especialização em obstetrícia, e partos são realizados integralmente por enfermeira obstetriz, sem acompanhamento de cirurgião obstetra.
A dona de casa Maria dos Reis, que há 15 deu à luz o seu filho caçula, confirmou que seu parto foi realizado sem a presença de médico e contou apenas com a atuação de uma enfermeira.
“O médico nem apareceu [para o parto], só tinha a enfermeira. Ela disse que o bebê já estava na posição correta e que nada podia dar errado, mas tem de ter um médico, nunca se sabe o que pode acontecer”, disse a dona de casa.
O MP lembra que, em caso de alguma complicação, o paciente precisa ser transferido para Bauru, num deslocamento que pode comprometer a saúde das gestantes ou recém-nascidos.
A Justiça determinou um prazo de dez dias para que a Santa Casa coloque um obstetra em tempo integral, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.
Já para os municípios da região citados, o MP pede um estudo para resolver a situação e sugere que o custo da presença desses profissionais seja dividido entre os municípios. O prazo para entrega desse estudo é de 60 dias e a multa pelo descumprimento é de R$ 10 mil por dia.
A prefeitura de Pirajuí informou que não tem responsabilidade na administração da Santa Casa e diz que o repasse de R$ 180 mil está em dia. Consultada pela reportagem da TV Tem, a direção da Santa Casa ainda não se manifestou sobre a situação.

Fonte: G1


Marília Shopping recebe Feira do Livro

Ler é essencial ao ser humano e um capital que jamais se desvaloriza. Durante a leitura é possível descobrir um mundo novo, cheio de novas possibilidades onde são transmitidos valores e experiências nunca antes vivenciados. Para levar esse mundo de conhecimento aos seus clientes e visitantes e aumentar seu acesso à leitura, o Marília Shopping recebe a Feira do Livro Jodane.
Localizada em frente à praça de eventos do centro de compras, na Feira, estarão à disposição milhares de títulos entre livros lúdicos e interativos das principais editoras do mercado para crianças, adolescentes e adultos de todas as idades.
E, para promover a interação completa dos visitantes, na Feira também será possível adquirir os encantadores fantoches. Feitos de pano e coloridos os fantoches, recriam histórias através de um jogo teatral lúdico e que cativam facilmente as crianças.
Com entrada franca, a Feira do Livro Jodane, acontece até 28 de novembro das 10h às 22h de segunda a sábado e das 13h às 19h aos domingos e feriados.
Serviço
Feira do livro Jodane
Quando: Até 28 de novembro
Onde: Praça de eventos do Marília Shopping
Horário: Segunda a sábado das 10h às 22h
Domingos e feriados das 13h às 19h
Público-alvo: Todas as idades
Entrada: Franca

Redação do Garca.Jor


Semáforo da avenida Labieno vai ser desligado para troca

A Secretaria Municipal de Habitação e Mobilidade solicita atenção aos motoristas e motociclistas da cidade, especialmente àqueles que trafegam pelo Distrito Industrial.
Devido à colisão de um veículo com o poste, o semáforo localizado à avenida Labieno da Costa Machado, no Distrito Industrial, em frente ao Meu Hotel, será desligado na segunda-feira, 26 de agosto.
Um novo semáforo será instalado no local. O prazo necessário é entre sete e dez dias. Sendo assim, será preciso redobrar a atenção para todos que circulam pelo local.

Redação do Garca.Jor


Dentista é morto pela própria filha em Marília após surto psicótico

O dentista Aloísio Tassara, de 51 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira, 23 de agosto, após ser esfaqueado pela própria filha, uma adolescente de 17 anos, na casa deles na região do Aeroporto, zona Leste de Marília.
Segundo as primeiras informações apuradas pelo Marília Notícia, a adolescente teria problemas psiquiátricos e durante um surto na madrugada, pegou uma faca e desferiu um golpe no peito do próprio pai.
O Samu foi acionado, mas ao chegar ao endereço nada pôde fazer, constatando apenas o óbito. A garota foi levada para o Hospital das Clínicas onde está passando por atendimento médico.
A ocorrência está sendo apresentada na Central de Polícia Judiciária (CPJ). Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento.

Fonte: Marília Notícia


Criança sofre fratura enquanto brincava em creche de Tupã

Uma criança de dois anos precisou ser levada ao hospital nesta quinta-feira, 22 de agosto, depois de apresentar quadro de choro repentino enquanto brincava na creche-escola "Soledad Sanches Modelli”, no bairro Cecap.
Segundo as informações da prefeitura, as funcionárias da creche examinaram a criança, constataram que ela apresentava dor localizada em uma das pernas e informaram o ocorrido aos pais.
A criança foi então encaminhada à Santa Casa, onde constatou-se a fratura. Em nota, a Prefeitura lamenta o fato e informou que continua prestando todo apoio e acompanhamento necessários aos pais.
"A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, informa que já adotou medidas necessárias para apurar o incidente registrado nesta quarta-feira, envolvendo uma criança de 2 anos, atendida na creche escola "Soledad Sanches Modelli”, no bairro Cecap", diz ainda a nota.

Fonte: Tupacity.com


Liminar suspende concurso público realizado em Duartina

A pedido do Ministério Público (MP), a justiça concedeu liminar em ação cautelar suspendendo um recente concurso público realizado pela Prefeitura de Duartina visando garantir a apuração de denúncia de irregularidades envolvendo a forma de contratação da empresa responsável pelo certame e o suposto favorecimento a alguns candidatos.
O edital do concurso para preenchimento de 15 vagas em 13 cargos de níveis fundamental, médio e superior foi publicado no dia 14 de junho e, as provas, aplicadas no último dia 4. Todo processo ficou a cargo de uma empresa particular contratada pela prefeitura mediante dispensa de licitação.
Segundo o promotor de justiça Thiago Alves de Oliveira, as investigações estão sob sigilo. "A gente recebeu uma denúncia anônima por e-mail, antes da prova, informando que o concurso poderia estar inquinado de irregularidades, de fraudes, começando pelo procedimento de escolha da empresa que organizaria o concurso", revela.
"O e-mail trazia uma lista de nomes de candidatos que seriam beneficiados com a suposta fraude, inclusive antecipando a posição que eles teriam no concurso com a aprovação. A gente então instaurou procedimento preliminar para colher algumas informações e, nesse meio tempo, sobreveio o resultado do concurso, que confirmou exatamente aqueles candidatos com as mesmas posições que o e-mail trazia".
Diante dos indícios de irregularidades, o promotor explica que decidiu ajuizar uma ação cautelar com pedido liminar de suspensão do concurso para que os fatos possam ser melhor apurados e os candidatos não sejam prejudicados. Na quarta-feira (21), a justiça acatou a solicitação.
O prefeito de Duartina, Juninho Aderaldo (Cidadania), defendeu a investigação como forma de afastar qualquer dúvida sobre a transparência do concurso. "Eu fico muito feliz de ser feita a apuração", disse. Ele adiantou, contudo, que, caso a denúncia não seja comprovada, pretende acionar os responsáveis judicialmente.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru